Autora de Um Lugar ao Sol é surpreendida ao ver a novela pronta

Autora de Um Lugar ao Sol, Lícia Manzo revelou como surgiu a história da próxima novela das nove da Globo. Ela contou que se isolou para escrever os capítulos da trama durante a pandemia e disse que o processo criativo foi desafiador.

Um Lugar ao Sol é primeira novela das nove de Lícia Manzo. Questionada se a expectativa é diferente, ela declarou: “Sim e não. Sem frio na barriga não existe criação. Mas a pandemia, nesse sentido, foi um desafio a mais.

A novelista confessou que já assistiu os capítulos iniciais da novela e se surpreendeu. Ao assistir os primeiros capítulos em casa, me flagrei surpresa, incrédula, com o resultado impecável e com a capacidade de adaptação da equipe e da empresa, que rapidamente criou condições seguras para que o trabalho pudesse seguir”, afirmou.

Autora da Globo revela como surgiu a novela

Estreante na faixa das 21h da Globo, Lícia revelou que teve a ideia inicial ouvindo música na praia e que a a trama central surgiu a partir de um documentário que assistiu na TV.

“Difícil saber de onde vêm as ideias. Lembro que havia terminado um trabalho, em 2017, e viajei de férias para São Miguel dos Milagres. Sentada na praia, ouvi uma canção de Tracy Chapman, ‘Mountain of Things’. Lembro de ter pensado pela primeira vez, ali, nas linhas gerais da história, que anotei no bloco de notas do celular. De volta ao Rio, assisti na Globonews ao documentário ‘Meus 18 Anos’, sobre jovens que, ao completarem a maioridade, precisam deixar o abrigo para menores onde foram criados”, relatou.

“Lembro de ter ficado comovida com os depoimentos desses jovens: alguns sonhavam ser advogados, médicos, engenheiros, enfim. Aos 18 anos, estavam sozinhos no mundo, entregues à própria sorte. Ainda assim, sonhavam se tornar alguém, fazer diferença, ter um lugar ao sol”, contou.

A partir daí, acredito, foi se formando para mim o novelo central da novela: dois irmãos gêmeos, idênticos, separados no nascimento. Um deles, Christian, encaminhado a um abrigo. O outro, Renato, adotado por um casal abastado”, se recordou Lícia.

“Ao trazê-los para o centro da trama, ou mais que isso, ao fundi-los em um só [na medida em que o primeiro deverá tomar para si a vida e identidade do segundo] questões como integridade, ética, desigualdade social são levantadas na novela, não de um ponto de vista estatístico ou factual, mas íntimo, subjetivo e humano”, pontuou.

Características da novelista

Lícia Manzo, autora de Um Lugar ao Sol (Foto: Globo/João Cotta)
Lícia Manzo, autora de Um Lugar ao Sol (Foto: Globo/João Cotta)

Conhecida por escrever novelas a partir de relações humanas e familiares, a autora explicou sua abordagem.

“Não saberia, eu acho, abordar qualquer assunto a partir de uma perspectiva macro. A chave de compreensão, para mim, está sempre na perspectiva micro, particular, íntima. O fato importando menos, eu acho, que a repercussão do fato no indivíduo”, afirmou.

Lícia também explicou sua característica de retratar com profundidade o universo feminino. “Mulheres representam metade da humanidade, embora até hoje sejam tratadas como uma espécie de minoria. Escrever uma trama sem personagens femininas centrais, seria escrever sobre um mundo manco. Um mundo que não conheço”, declarou.

Lícia Manzo isolada

A novelista falou sobre seu processo de trabalho durante a pandemia e contou quais foram os maiores desafios.

“O autor de novelas, de certo modo, já vive uma espécie de quarentena. Você não viaja, não vai a festas, não sai para beber com os amigos. O maior impacto, para mim, foi não poder encontrar minha equipe”, disse.

“Durante um ano e meio trabalhamos remotamente – o que num processo humano, sensível, criativo, pode ser desafiador. De todo modo, durante quase um ano, me refugiei no mato e escrevi de lá, cercada de cachorros, galinhas – o que ajudou a restaurar minha humanidade”, revelou ela.

Sobre a escolha do elenco, Lícia disse que aconteceu em conjunto com Maurício Farias, diretor artístico da novela. “Muito harmônica, junto com a direção. Se eu e Maurício divergimos em algum nome, eu nem me lembro. Desde que estive nas primeiras leituras, saí aliviada e com a certeza de que tínhamos feito as escolhas certas”, disse a autora da Globo.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver as últimas notícias dos famosos e deixe seu comentário clicando aqui.

MAIS LIDAS

Vitor Peccoli
Publicitário, roteirista formado pela Casa Aguinaldo Silva de Artes. Escreve sobre TV e famosos desde 2013 | Contato: [email protected]
Veja mais ›