Bárbara Evans dispara e rebate críticas sobre voltar a usar 36

Bárbara Evans sempre compartilha com os seus seguidores toda sua rotina do dia a dia. Há alguns dias, a modelo contou com bastante empolgação que havia chegado ao tamanho 36 após dar à luz Ayla, fruto do seu relacionamento com Gustavo Theodoro.

Apesar de celebrar a conquista nas redes sociais, Bárbara Evans recebeu inúmeras mensagens de internautas que se sentiram minimizadas com a postagem da famosa.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Desnecessário você mostrar essas coisas… Tipo, toda hora calça 36, você faz as mulheres se sentirem mal, diminuídas. Nem todas tem essa vida que você tem muitas são normais. Tenha mais humildade. Obrigada”, escreveu uma usuária.

Bárbara Evans, então, resolveu responder: “Essa vida que eu tenho? Só se for de muito esforço. Eu não fiz nenhum tratamento para emagrecer. Eu tive foi muita força de vontade, fazendo dieta no final da gravidez e exercícios… E quando a Ayla nasceu, também. Eu mostro para incentivar, e não diminuir ninguém, para vocês verem que é só querer! Estou emagrecendo de uma forma que qualquer pessoa pode, também. Tendo foco e fazendo dieta! Então não me venha falar que sou privilegiada, não, porque estou me esforçando e muito!”, respondeu ela.

Bárbara Evans
Bárbara Evans (Reprodução/ Instagram)

Perrengues na gestação

Recentemente, Bárbara Evans desabafou sobre os perrengues sofridos na reta final de sua gravidez. Na reta final de sua gestação, a modelo usou as suas redes sociais e conta que estava sofrendo com dores e incontinência urinaria.

“Eu acho incrível como tem mulheres que romantizam a gravidez. É uma coisa maravilhosa, de outro mundo? Eu acho. Nem consigo acreditar que a gente pode gerar uma criança. Mas gente, é normal passar mal. Só recordando: Lá no começo não podia nem escovar o dente, porque vomitava. No final, até hemorroidas acontecem, por conta da pressão da neném. Você sai do banho e continua fazendo xixi, incontinência urinária. Aí é mil maravilhas, viu gente? É o máximo”, iniciou ela.

“Não sei se as mulheres não querem reclamar por conta do marido. Eu reclamo mesmo, falo a verdade, mesmo. Falei durante a gestação inteira, um monte de gente me criticou. Eu falo a realidade. Vou falar o que: ‘Mijar na calça é muito bom!’ ou ‘hemorroida do final’, e ‘aquela dorzinha quando a gente levanta quarenta vezes para ir ao banheiro, aquela dorzinha aqui embaixo que todo mundo sabe qual é, quem já ficou grávida, é incrível! Melhor dor que já senti na vida’. Ah, gente, pelo amor de Deus, né? Fale logo que está passando mal, assuma que o negócio não é fácil, porque não é”, desabafou.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›