BBB 22: Linn explica significado de tatuagem após transfobia

publicidade

Depois de gerar muitas discussões sobre transfobia envolvendo Linn da Quebrada no Big Brother Brasil 22, o apresentador Tadeu Schmidt resolveu fazer uma intervenção no programa neste domingo (23), dando um “puxão de orelha” nos brothers.

Logo em seu primeiro contato com a casa, o apresentador conversou com Linn e pediu para ela explicar o significado de uma de suas tatuagens que tem em sua testa. “Você tem o pronome ‘ela’ tatuado acima da sua sobrancelha. Eu queria que você explicasse por que você fez essa tatuagem e que você dissesse, mais uma vez, reforçando como as pessoas devem se dirigir a você”, falou o apresentador.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Na ocasião, a artista, que é uma mulher transexual, contou que fez a tatuagem no início de sua transição de gênero, por sua mãe não conseguir se adaptar em chama-la por pronomes femininos. A artista ainda pediu que os colegas se referissem a ela da mesma forma que as outras mulheres da casa.

“Eu fiz essa tatuagem, na verdade, por causa da minha mãe, porque no começo da minha transição, minha mãe ainda errava e me tratava no pronome masculino. Eu falei: ‘Mãe, eu vou tatuar ‘ela’ na minha testa, pra ver se a senhora não erra.’ E acho que assim também é uma indicação para as outras pessoas. Então, ficou na dúvida, lê e vocês lembram que eu quero ser tratada nos pronomes femininos”, disse a artista.

Tadeu reforçou a importância da fala da artista, para que episódios de transfobia não se repitam durante o programa. “Muito importante você ensinar isso, Lina, para os moradores da casa e para o Brasil inteiro, para que erros não sejam mais cometidos. Muito obrigado”, finalizou.

Confusões durante a semana

A intervenção de Tadeu acontece após Linn ser alvo de diversos “deslizes” dos colegas, que volta e meia faziam comentários chamando ela pelo masculino. Eslovênia, por exemplo, já chamou a cantora no masculino em diversos momentos.

publicidade

Durante a primeira festa do programa, a ex-Miss Pernambuco chamou a artista de “amigo” e logo em seguida recebeu uma resposta. “Não dá para ficar errando mais, amiga”, pediu Linn um pouco constrangida.

Nas redes sociais, a conversa foi o suficiente para render vários protestos e comentários revoltosos dos telespectadores do programa.  “Eu quero ver a Eslovênia saindo com a maior rejeição do reality”, escreveu um usuário do Twitter. “Gente, a Linn tem ‘ela’ tatuado na testa. Não é erro, é maldade mesmo”, completou outra.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›