Bolsonaro tira Regina Duarte do cargo de secretária

Após causar muita polêmica entre os amigos famosos na última semana, o rumo da Regina Duarte acabou sendo mudado de forma bem inesperada. Em seu perfil no Twitter, Bolsonaro anunciou que Regina não está mais no cargo de secretária da Cultura em Brasília.

Aparecendo em um vídeo junto com o presidente, a ex atriz afirma que chegou a ganhar um convite muito especial para um novo cargo em São Paulo, para ficar próxima de casa e da família. Regina causou muitas polêmicas desde que foi nomeada como secretária da Cultura e fez declarações impensadas. 

Nas últimas semanas então, diversos artistas usaram as redes sociais para externar suas indignações, após ver Regina em uma entrevista na CNN, onde falou que era para ignorar mortes e que o período da ditadura no Brasil teria sido agradável. 

Depois de deixar não só o jornalista entrevistador em um beco sem saída, os internautas e artistas brasileiros externaram a discordância sobre a fala da então secretária. Mas o que ninguém esperava, era que a saída desse cargo fosse tão depressa. 

Jair Bolsonaro utilizou a seguinte legenda para justificar a saída de Regina: “Regina Duarte relatou que sente falta de sua família, mas para que ela possa continuar contribuindo com o Governo e a Cultura Brasileira assumirá, em alguns dias, a Cinemateca em SP. Nos próximos dias, durante a transição, será mostrado o trabalho já realizado nos últimos 60 dias”.

Regina ainda, chegou a agradecer dizendo: “Meus queridos, este vídeo representa a concretização de um um sonho.
O Presidente Bolsonaro me propôs, a partir de agora, assumir a Cinemateca , órgão da Secretaria Especial de Cultura que cuida da proteção do acervo e também do desenvolvimento da cinematografia brasileira. Trata-se de duplo presente : vou poder ficar mais próxima da minha família (minha paixão) e também participar mais de perto e ativamente de um setor da Secretaria de Cultura: o áudio visual, a tele dramaturgia, outras paixões da minha vida. Ter a possibilidade de dispor do equipamento de ponta da Cinemateca Brasileira para criar, fazer Cultura… é prêmio! É uma honraria. E agora, enquanto este sonho não se concretiza burocraticamente.”

DEIXE SUA OPINIÃO

comments