Carlinhos Maia revela que socorreu Henri Castelli após agressão física

Carlinhos Maia e Henri Castelli (Reprodução/Instagram)
Carlinhos Maia e Henri Castelli (Reprodução/Instagram)

Após alguns dias desde que Henri Castelli revelou ter sido vítima de um espancamento em Alagoas, o influenciador Carlinhos Maia contou nesta quinta-feira (14), que socorreu o artista após a situação.

Através dos stories, o comediante contou que chegou a levar Henri para sua residência em Barra de São Miguel, antes dele ser socorrido para um hospital. Carlinhos relatou que não conseguiu ainda entender o que ocorreu na festa.

“Estava presente no dia porque era ao lado da minha casa. Não estava perto na hora da briga, mas chamamos o Henri para minha casa, o levamos em nosso carro. Ainda não entendi de fato o que aconteceu porque foi muito rápido. Logo depois ele foi para o hospital”, contou Carlinhos.

O esposo de Lucas Guimarães ainda aproveitou para repudiar o fato e destacar que a violência foi um caso isolado e não representa o povo de sua cidade. “Atitudes de agressão não representam as pessoas [aqui]. Era uma festa e as pessoas estavam alcoolizadas. E que bom que a justiça está aí para isso. Nenhum tipo de agressão é válida, nem de uma parte nem de outro”, declarou.

A agressão ao ator global ocorreu durante uma festa em um restaurante de Barra de São Miguel, litoral de Alagoas. O artista foi internado com uma fratura exposta na região do maxilar. O caso já está sendo investigado e os autores foram identificados.

Depoimento de cirurgiã

Nesta semana a cirurgiã de Henri Castelli deu entrevista para a revista QUEM e contou detalhes referentes à saúde do artista. A profissional confessou que ficou assustada com o estado do ator ao receber as imagens.

Conforme Rana Saleh o caso de Henri pode ser considerado como gravíssimo e destacou ainda que a fratura poderia ser irreversível e ocasionado duras sequelas, caso não houvesse um rápido atendimento.

“Pelas fotos e vídeos que Henri me enviou, pude observar que a situação era gravíssima. Se não houvesse um socorro imediato, poderia ser irreversível, com muitas sequelas, o que prejudicaria sua vida pessoal e profissional”, disse Rana.

E completou: “Mas claro, que como profissional de saúde, na hora, não quis assustá-lo falando da gravidade da situação, mas o orientei a seguir urgentemente para um pronto atendimento, o que ele fez na mesma hora”.

Ainda durante a entrevista, Rana comentou sobre o tamanho da violência sofrida pelo ator. “Mesmo em casos de agressão, em que há fraturas de dentes ou até mesmo a perda deles, não é comum ver um maxilar com uma fratura exposta, como a que eu vi”, afirmou.