Chris Flores revela que teve privacidade invadida e detona situação

publicidade

A apresentadora Chris Flores usou seu espaço no programa Fofocalizando, SBT, para se pronunciar a respeito do caso envolvendo a atriz Klara Castanho. A famosa disse que também já foi vítima de vazamento de informações pessoais.

Ao lado do colega Matheus Baldi, um dos responsáveis por divulgar a gravidez da atriz nas redes sociais, Chris deixou claro que não concordava com a postura do jornalista e afirmou que a situação enfrentada por Klara foi “lamentável”.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Eu acho tudo muito lamentável e estou há dias sem dormir desde que isso estourou. Como eu disse aqui em outro programa, violência contra a mulher é tolerância zero. É o ápice, o auge dessa sociedade machista que a gente vive. Melhoramos? Mais ou menos. A gente consegue avançar, mas retrocede muito”, disse ela.

Em seguida a apresentadora relatou que há alguns anos passou por um problema semelhante ao de Klara, quando teve a informação de sua gestação vazada na imprensa. Na época, ela viveu um trauma após perder o bebê.

“Além do meu filho Gabriel, eu tive uma segunda gestação que talvez as pessoas não saibam. Eu perdi esse bebê. Eu tinha que fazer um exame para saber como ele estava, porque o primeiro ultrassom deu alguma coisa errada. Quando fui ao laboratório, um profissional também passa [a informação] para uma pessoa. Ela me procura comemorando isso, mas eu já estava com o feto morto dentro do meu útero. Estava triste, de luto. Não queria que as pessoas soubessem disso”, disparou.

A famosa continuou afirmando que gravidez é um momento muito delicado para algumas mulheres e imagina que, por Klara ter passado por um episódio de estupro, deve ter ficado ainda mais mexida a situação.

publicidade

“Eu entendo a dor da Klara e de outras mulheres que não querem divulgar a sua gravidez. E minha situação, de longe, não é nada do que ela vem passando. Era uma gestação consentida, com muito amor. E ainda assim foi traumático. Um trauma para mim até hoje”, desabafou.

Relato da atriz

O caso de Klara Castanho dominou as redes sociais neste último final de semana, após a atriz revelar publicamente que ficou grávida após ser alvo de um estupro. A atriz contou que apenas descobriu a gestação quando há poucos dias dela chegar ao fim.

publicidade

Por meio de uma carta aberta, ela detalhou para os seguidores uma série de violências que sofreu desde o ultimo ano. Ela disse que passou por momento de constrangimento até mesmo quando estava na sala de cirurgia.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Esse é o relato mais difícil da minha vida. Pensei que levaria essa dor e esse peso somente comigo. Sempre mantive a minha vida afetiva privada, assim, expô-la desse maneira é algo que me apavora e remexe dores profundas e recentes. No entanto, não posso silenciar ao ver pessoas conspirando e criando versões sobre uma violência repulsiva e de um trauma que sofri. Fui estuprada. Relembrar esse episódio traz uma sensação de morte, porque algo morreu em mim. Não estava na minha cidade, não estava perto da minha família nem dos meus amigos”, começou ela.

 

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›