Christina Rocha revela por que saiu do SBT

Christina Rocha detona o SBT e relembra Casos de Família
Christina Rocha detona o SBT e relembra Casos de Família (Foto: Reprodução)

Fora do SBT após quase uma década e meia na emissora, no comando do Casos de Família, a apresentadora Christina Rocha marcou presença no Melhor da Tarde na Band e não deixou de fazer críticas para a sua antiga empresa. Segundo ela, eles não tinham dinheiro para nada.

Com um tom bem confiante, a loira garantiu que muitas vezes o seu programa era um dos que mais tinham anunciantes e mesmo assim a produção apontava falta de recursos financeiros.

Parece que o SBT perdeu um pouco do prumo, tem que ouvir um pouco as pessoas. A gente era pau para toda hora. Só que o Casos de Família nunca teve nenhum investimento. No final a gente não tinha dinheiro para música. Esse programa foi um sobrevivente. Eu falei para a produção: ‘Vocês não estão investindo em nada’. Até chamada tinha menos”, contou.

Christina Rocha saiu de novo programa do SBT

Anunciada como uma das apresentadoras dos novo programa jornalístico do SBT, chamado ‘Tá na Hora’, Christina Rocha aproveitou para contar que o projeto não estava de acordo com o que foi desenhado no início de tudo.

Eu vi que seguia mais para jornalismo. Eu falei: ‘Não é para mim’. Não foi de uma hora para outra, eu tive várias reuniões antes de estrear. Eu estava ficando doente. Estava me dando palpitação, era uma tortura chinesa”, afirmou.

Ela aproveitou para desmentir boatos de que os casos que eram apresentados no extinto Casos de Família seriam falsos. Segundo ela, isso nunca sairia de sua boca caso as situações fossem armadas.

Gente, se não fosse de verdade, vocês acham que eu iria me expor? É claro que eram de verdade. O que acontecia era que às vezes a gente descobria casos de gente que ia no João Kléber, mentia e quando a gente descobria, a gente tirava do ar. Eu jamais faria uma coisa dizendo que era verdade sem ser gente, eu não iria me expor”, relatou.