Coelhinha da playboy passa por situação inusitada em ensaio

Christine Mae
Christine Mae (Reprodução/ Instagram)

A modelo Christine Mae resolveu inovar e fazer um super ensaio sensual. Ela só não contava que seu bumbum ficaria congelado durante a sessão de fotos. Conhecida como uma das coelhinhas da Playboy nos Estados Unidos, sua intenção era quebrar um recorde. 

Mae queria fazer um ensaio sensual com a temperatura mais baixa possível. Ela então decidiu se aventurar nas Montanhas Rochosas do Canadá, para cumprir a missão que ela mesma estipulou.

“O termômetro atingiu -26,6º e encontrei o ambiente perfeito para experimentar a novidade. Estava muito frio lá, mas consegui me divertir muito também. Então acabei ignorando o frio em alguns momentos”, disse ela. 

“Minha bunda congelou, mas achei tudo muito sensual. Me imaginei como um coelho perdido no gelo”, explicou ela que publicou as fotos em suas redes socais e recebeu milhares de curtidas, e comentários elogiando seus atributos físicos. 

Christine Mae
Christine Mae (Reprodução/ Instagram)

“Uau, garota”, escreveu uma internauta. “Mais mais  mais”, disse outro fã. Um terceiro escreveu “Estou surpreso que a neve não tenha derretido”. 

“Muito corajoso sair no frio com essa roupa, mas você é tão quente que nem deve ter notado”, disse outro.

A modelo, que também trabalha como desenvolvedora web e disse até que iria lançar seu próprio aplicativo de paquera nos moldes do Tinder disse que teme perder oportunidades de trabalho por ser gostosa demais. 

A jovem de 29 anos afirma que é vista como “gostosa demais” para sua área de tecnologia da informação.  Christine também diz que foi excluída dos grupos de modelos da Playboy por ser “muito esperta”.

“Atualmente, ainda sou desenvolvedora da web em tempo integral e trabalho como modelo em meio período. A Playboy sempre foi flexível com minha agenda.”

Inteligência pura

Christine Mae
Christine Mae (Reprodução/ Instagram)

Apesar de se sentir excluída da rede de modelos de glamour, Christine se recusa a abandonar seu trabalho em tecnologia para se encaixar.  

Ela comentou: “Estou seguindo minha paixão como modelo. Ainda vou codificar e construir sites, mas também quero abrir minha própria empresa. Não é crime ser bonita e inteligente”.

Mesmo achando que pode perder o trabalho porque é linda e inteligente, Christine aconselha modelos aspirantes a “nunca desistirem” de seus sonhos. Ela quer oferecer conselhos a modelos que têm carreiras adicionais e incentivá-los a continuar perseguindo seus objetivos.

Christine disse: “Meu conselho é nunca desistir. Codificar pode ser frustrante e desafiador, mas é muito divertido. A codificação ensina como pensar fora da caixa e diferentes maneiras de resolver problemas. A tecnologia está sempre prosperando e aprender a codificar pode beneficiá-lo de várias maneiras.”

Christine Mae
Christine Mae (Reprodução/ Instagram)

DEIXE SUA OPINIÃO

Veja mais ›