Duda Nagle conta detalhes do primeiro encontro com Sabrina Sato

Duda Nagle, ator de 38 anos, contou durante participação no canal “Inteligência Ltda”, no YouTube, alguns detalhes do primeiro encontro que teve com Sabrina Sato, sua atual esposa, com quem tem a filha Zoe.

Juntos desde 2016, o artista comentou que ele começaram a conversar pelas redes sociais e a primeira vez em que se encontraram pessoalmente, foi na casa da apresentadora, em São Paulo.

“Cheguei e fui direto. Até então, eu não tinha prestado atenção nisso, mas quando eu subi pelo elevador, antes eu anunciei a minha chegada ao prédio, eu lembrei que ainda não tinha nem ouvido a voz dela. Aí me bateu aquela nostalgia do cara que fingiu que era eu no Orkut. E pensei: “Será que é ela mesmo?”. Foi muito engraçado. Sabrina é muito engraçada sem fazer força. Ela é naturalmente excêntrica (…)”, elogiou o rapaz.

Na sequência, Duda Nagle destacou a conversa inusitada e descontraída que eles tiveram e revelou uma situação inusitada envolvendo a esposa.

“Naquele dia, a primeira coisa que falou comigo foi: “Você tem medo de cachorro?”. E eu: “Não”. “Porque ele morrrde! (imita o sotaque da mulher)” (risos). Aí eu disse: “Ah, então agora eu tenho, né?”. Ela tinha que prender o cachorro, e não perguntar se eu tinha medo (risos). Na minha cabeça, era um pitbull cabeçudo. Aí eu falei: “Prende lá”.”, disse o ator.

“Aí ela abriu a porta, eu fui olhar para ela, e ela estava enorme. Estava com um coturno deste tamanho (faz um gesto de grandeza com as mãos). Ela estava gigante. E eu: “Caraca… Ela (Sabrina) é desse tamanho mesmo?” E ela ao mesmo tempo: “Será que esse cara é maluco”? Ela me zoa até hoje: “Chegou um cara de calça cargo aqui em casa! Quem é que usa calça cargo? Eu uso calça cargo mesmo. Tem bolso, é prático!”, divertiu-se Duda.

Primeiras impressões

Durante a entrevista, Duda Nagle falou também, sobre as primeiras impressões que Sabrina Sato teve dele nesse primeiro encontro que tiveram. Segundo ele, foi uma verdadeira “dança do acasalamento” até finalmente ficarem pela primeira vez.

“Ela conta que me achou muito excêntrico e tal… Éramos só ela e eu. Eu ia me aproximando e ela saía. Então, ficou uma dança ali, sabe? Do acasalamento… Eu ia chegando, ela saía. E eu: “Puts… Ela está apreensiva. Não vou insistir”. Aí eu ficava na minha, tranquilão. Quando eu tiver conquistado a confiança dela de novo, vou investir na aproximação. E ela dava a volta na mesa. Ela tem uma coisa, assim, de quando está ansiosa, vivendo um momento intenso, ir bebericando (a bebida alcoólica), dando minigolinhos.”, contou o ator.

“Ela vai bebendo aos poucos, mas intensamente. Ela ia bebericando e eu também. Estava na adrenalina, naquela história… Teve uma hora que a gente já tinha se aproximado um pouco e ela foi ao banheiro. Subiu a escada e foi ao banheiro do quarto. Por algum motivo, eu entendi que era um sinal para eu ir atrás. Aí eu falei “Ahá! Então está fluindo”. Ela estava demorando pra descer, eu não queria parecer precipitado. Pensava: “Será que é um sinal?” (…) Aí ela subiu… E eu subi. Quando eu subi e ela: “Ai! O que é isso?”. No dia seguinte a gente estava acordando e o cachorro veio assim, de boa e subiu na cama, era um “salsichinha” e eu falei: “ah então esse era a fera?”, brincou.

Confira a entrevista na íntegra:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver as últimas notícias dos famosos e deixe seu comentário clicando aqui.

MAIS LIDAS

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social, Redator e Social Media.
Veja mais ›