Ex-BBB Natália Deodato ostenta nos Lençóis Maranhenses: “Sereia”

publicidade

A modelo Natália Deodato, ex-participante do Big Brother Brasil 2022, atualizou seu perfil do Instagram neste último domingo (3) e mostrou para os fãs mais alguns cliques de sua viagem pelo Maranhão.

Curtindo muito o passeio pelos Lençóis Maranhenses, a famosa surgiu posando toda sensual em meio ao visual paradisíaco da região. Com um conjuntinho de biquíni azul, a gata exibiu o corpaço bronzeado.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Colecionando esses momentos lindos que vivi no Maranhão 📍 Nosso Brasil é lindo demais, gente. Que país! 😍 Junho veio cheio de surpresas. Quero só ver por onde julho vai me levar!”, se declarou ex-BBB.

Em um dos registros, a famosa apareceu mergulhando em uma das lagoas do local e toda sua sensualidade deixou os fãs loucos, rendendo diversos elogios e curtidas. “Olhei e vi uma sereia 🧜‍♀️!!! Linda!!!! Saudades diva!!“, disse um internauta.

“Maravilhosa Nat💜 Meu Maranhão é Perfeito….”, se derreteu um internauta. “Afff como ela é perfeita”, elogiou outro fã. “Que mulher linda, determinada, independente, se garante sozinha😍”, disse mais uma admiradora.

publicidade

Relato doloroso

O mês de junho foi marcado por um momento traumático para Natália Deodato, após a influenciadora ser alvo de uma situação racista durante sua viagem pelo México. A famosa disse que foi acusada de ter roubado um hospede do hotel em que estava hospedada com alguns amigos.

publicidade

Muito abalada com a situação, a ex-participante do Big Brother Brasil surgiu nos stories para desabafar com os fãs. Chorando, a mineira contou em uma série de vídeos os detalhes do caso, ao qual foi recebida aos gritos por um homem.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Eu estava no saguão e tinha uma bolsa jogada no saguão e eu peguei com a pontinha da mão e fui levar para o moço da recepção. Quando cheguei lá tinha um moço e ele começou a gritar falando em outra língua. Eu deixei a bolsa, disse que estava jogada no chão sem ninguém e entreguei. Ele me disse que o cara era o dono. Ele [o dono] começou a gritar comigo e o pior de tudo: porque eu sou preta”, disparou ela.

“Ele falou que eu tinha pegado, como se eu precisasse pegar as coisas de alguém. Eu falei: pode abrir, vê se aconteceu. Ele abriu e viu que não tinha sumido nada. Ele continuou me acusando. Nunca precisei passar por isso”, continuou.

 

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›