Ex-Power Couple faz acusação contra a Record após polêmica

publicidade

A influenciadora Anna Clara Maia, ex-participar do Power Couple Brasil 4, detonou a falta de transparência da Record em seus realities. A famosa disse que a emissora não manipula imagens e situações de forma que pode prejudicar algumas pessoas.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“É extremamente tendencioso e em todos os aspectos. Todas as provas podem ser burladas. Não são provas que acontecem simultaneamente, com todo mundo vendo. São coisas que podem ser burladas e são burladas. Não é nada transparente“, disse ela durante o Mini Podcast.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

A famosa, que participou do programa ao lado do marido, André Coelho, disse que constantemente era chamada atenção pela produção, por sempre ficar questionando as regras da atração, que diversas vezes já foram alteradas.

“Eu recebi muitas chamadas de atenção. As provas são extremamente questionáveis. Falavam: ‘Você não pode questionar isso’. Como assim eu não posso questionar isso?”, declarou a influencer.

Vale destacar que esta não é a primeira vez que Anna Clara se posiciona publicamente contra a Record TV. No último ano ela detonou a atitude da emissora na condução do caso de Nego do Borel, que foi expulso do programa por conta de uma acusação de assédio sexual.

Em postagem no Instagram, Anna afirmou que a emissora não se preocupa com a credibilidade e vai continuar agindo da mesma maneira, já que os programas continuam dando audiência.

publicidade

“Esse e muitos outros absurdos vão continuar acontecendo porque o que eles querem é audiência. E estão tendo! Não é de hoje que a Record edita tudo, manipula as imagens, falas, situações e só mostram o que querem”, finalizou a influencer.

Outro participante detonou Record

Atualmente em sua sexta temporada, o Power Couple continua rendendo acusações de manipulação e falta de transparência com o público. No último mês o jornalista Lucas Strabko, o Cartolouco, ficou revoltado que a emissora deixou surgir fake news com seu nome nas redes sociais.

publicidade

O caso iniciou após o pai de MC Gui afirmar que tentou agredir o colega de confinamento após ele ter insultado sua família e falado sobre a morte de seu filho, o que a produção do programa não conseguiu comprovar.

“Não existe porque não foi falado. Eu jamais falaria do filho dele que morreu e eu fiquei sabendo da história porque era amigo do Gui. Jamais falaria isso”, garantiu Cartolouco. “Gente, que absurdo”, esbravejou Gabi Augusto.

“Na moral, como vocês que trabalham aqui se eximem? Não tem uma gravação e se torna uma verdade absoluta e prejudica quem estava lá. Só espera a gente falar quando sai? É um absurdo”, disparou.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›