Fernanda Nobre fala sobre casamento e ‘Um Lugar Ao Sol’

Fernanda Nobre, atriz de 38 anos, em breve fará sua primeira aparição em ‘Um Lugar Ao Sol’. Na trama, a artista interpreta Maria Fernanda, e irá revelar ao personagem de Cauã Reymond que teve um filho dele. Em entrevista ao jornalista Eduardo Vanini, da revista Ela, a famosa comentou sobre a novela e falou ainda, sobre a vida sexual com o marido, o diretor José Roberto Jardim, com quem vive um casamento aberto.

Ao comentar sobre ‘Um Lugar Ao Sol’, Fernanda explica que se identifica muito com a personagem. “É uma mulher livre de moralismos”, adiantou a atriz. “Ela é julgada pela família como se estivesse querendo dinheiro. Mas, na verdade, quer o apoio paterno, a presença do pai para o filho”, afirmou..

“Ela entendeu que não dependia de ninguém para isso. Muitas mulheres tomam decisões parecidas. É claro que isso requer uma segurança financeira e emocional. Mas acho admirável observar como é uma escolha da mulher.”, acrescentou Fernanda Nobre.

Vida sexual com o marido

Questionada se a pandemia atrapalhou a vida sexual com o marido, o diretor José Roberto Jardim, a atriz foi bem sincera: “Só adolescentes continuam sentindo tesão nesse cenário. Por mais que o casal tenha intimidade e se dê bem, passamos por algo muito forte. Natural interferir no sexo”, argumentou a famosa.

No entanto, ela explica que o casamento se fortaleceu ainda mais nesse período. “Passar por tudo esse período juntos foi como uma renovação. Houve desgastes, mas nada que configurasse uma crise.”, afirmou Fernanda.

Casamento aberto

E por falar na vida íntima de Fernanda Nobre, recentemente ela abriu o jogo sobre seu casamento aberto com o diretor José Roberto Jardim. Durante participação no programa ‘Conversa com Bial’, a atriz explicou que quis viver um relacionamento não-monogâmico, após perceber que a monogamia não é algo natural, mas sim, construído culturalmente e socialmente pelas pessoas.

“Mesmo com tudo que a gente conquistou, ainda vendem a ideia de amado que esperamos para salvar nossa vida. Isso vai na contramão desse caminho da contemporaneidade que defende a individualidade. A gente continua relacionando o sexo ao amor”, disse a artista, destacando que em seu relacionamento, existem algumas regras definidas pelo casal. “Trair é uma palavra que não faz parte do meu vocabulário. Ninguém trai ninguém no meu pacto, a gente vivencia experiências e tem uma lealdade a nós dois”, completou a atriz Fernanda Nobre.

MAIS LIDAS

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social, Redator e Social Media.
Veja mais ›