Giulia Costa relembra momentos marcantes com o pai, Marcos Paulo

publicidade

A atriz Giulia Costa, de 22 anos, relembrou através de suas redes sociais nesta semana, alguns momentos inesquecíveis ao lado do pai, Marcos Paulo, que morreu em novembro de 2012, em decorrência de uma embolia pulmonar.

No Instagram, uma pessoa quis saber do que a filha de Flávia Alessandra mais sentia falta do pai. A jovem, então, respondeu: “Nele em si, sem dúvida são a gargalhada e a mão dele (era grande e fazia um carinho/cafuné) muito bom, fora que quando ele me dava a mão engolia minha mãozinha).”, iniciou.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Mas o que eu mais sinto falta é de ter ele no geral. De poder contar que eu tô estudando Cinema, que eu dirijo, que eu virei vegetariana, que consegui meu primeiro emprego na área dos sonhos agora. Contar que eu amo rabanete igual a ele e que as pessoas dizem que a gente tem o mesmo olhar. E saber o que ele acharia de tudo isso. Onde ele estaria. Como seria a nossa relação. Em quem ele votaria nas eleições. E que ele acharia de BBB…”, detalhou Giulia.

Giulia Costa relembra Marcos Paulo (Foto: Reprodução/Instagram)
Giulia Costa relembra Marcos Paulo (Foto: Reprodução/Instagram)

Comparações com a mãe

Em outro momento, Giulia Costa comentou sobre as frequentes vezes em que é comparada com sua mãe, Flávia Alessandra.

“É muito chato. O machismo tá tão enraizado e as pessoas são tão maldosas que querem criar uma rivalidade até entre mãe e filha. Além de não entenderem que temos estilos e gostos completamente diferentes”, escreveu.

publicidade

Recentemente, a filha da atriz Flávia Alessandra, já havia comentado sobre essas comparações durante entrevista à coluna de Patrícia Kogut. “Naturalmente, sendo mulher, já sinto uma pressão estética muito grande. Sendo filha de uma musa, isso é mais forte ainda. As pessoas adoram uma comparação, chega a ser doentio”, comentou.

“Tem gente que inventa uma rivalidade entre mãe e filha que não existe. É uma pressão externa muito grande para que a gente se encaixe nos padrões estéticos. Eu procuro mostrar que eu como de tudo. E sempre recebo mensagens do tipo: ‘Fecha a boca’, ‘Vai ficar enorme’, etc. Tento relevar ao máximo, porque senão vou me afetando de pouquinho em pouquinho e vira uma bola de neve”, desabafou.

publicidade

Em relação às cobranças, Giulia disse que busca ser bem transparente com seus fãs sobre essas questões. “Procuro conversar muito sobre como lidar com a rede social. A verdade, é que quando se trata de mulheres, as pessoas nunca estão satisfeitas. A Bruna Marquezine emagrece e aí está muito magra, se engorda, já está gorda, nunca é o bastante. Então, precisamos estar muito bem de cabeça, parar e respirar fundo. Porque lemos coisas bem maldosas”, afirmou.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›