Globo baixa proibições para evitar “efeito Juliette” no BBB22

A Globo impôs uma série de restrições para as marcas que irão patrocinar o BBB22. A ação da emissora, entre outras coisas, é para tentar barrar um novo “efeito Juliette”. Isso porque, na edição 2021, a sister queridinha do público contou com apoio de um dos patrocinadores.

Os anunciantes estão proibidos, por exemplo, de colocar objetos na mão do ROBBB, o robô mascote do reality. Também não poderá serem feitas quaisquer menções negativas aos participantes ou ao apresentador. No exemplo do que não fazer, a Globo usou postagem da Avon que recomendava que Fiuk fosse tomar banho de sol.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Entretê apurou que as marcas patrocinadoras também estão vetadas de se manifestarem a favor ou contra qualquer participante, apresentador, direção ou fatos que tenham ocorrido na atração. Um dos exemplos usados para indicar postagem não permitida foi a que o perfil da Coca-Cola se posiciona descontente com a vitória de Karol Conká em uma Prova do Líder.

Regra para barrar “efeito Juliette” no BBB22

Entre os exemplos usados, a Globo citou como favorecimento algumas postagens da Avon com Juliette. Durante o BBB21, a sister foi advertida pela direção do programa de maquiar colega no confinamento e a bronca causou polêmica.

Na ocasião, a Avon se posicionou publicamente a favor de Juliette. A atitude da marca, no entanto, não caiu bem e é condenada no plano comercial da temporada 2022.

O anunciante não poderá usar a imagem do brother para tomar partido, torcida ou manifestar-se contra qualquer fato polêmico ocorrido com esse participante no programa”, determina a regra da Globo.

Os patrocinadores também ficam proibidos de criar dinâmicas paralelas ao programa e de questionar fatos ocorridos na casa. Os dois exemplos usados para ilustrar essa proibição foram da marca de cerveja Amstel.

Globo impõe extensas proibições

As marcas estão vetadas de fazer edições na imagem com os brothers de modo que traga outro sentido do que realmente ocorreu no reality. Os anunciantes também não podem usar a imagem do brother de modo que use posicionamento, fala ou pensamento do determinado participante relacionado a um assunto ocorrido durante a atração.

O manual da Globo aos anunciantes traz diversas regras do que pode ou não. São muitos exemplos citados com base no BBB21. Com isso, a emissora pretende evitar qualquer mal-estar ou dor de cabeça com os patrocinadores. É uma medida para evitar futuras polêmicas, como aconteceu no caso Juliette e Avon na edição 2021.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

MAIS LIDAS

Vitor Peccoli
Publicitário, roteirista formado pela Casa Aguinaldo Silva de Artes. Escreve sobre TV e famosos desde 2013 | Contato: redacao@spinoff.com.br
Veja mais ›