Participante pede desculpas após ser racista em reality do Mais Você

publicidade

Na manhã desta segunda-feira (23), Anderrupson, participante do “Jogo de Panelas”, pediu desculpas ao vivo por fazer blackface durante o quadro do Mais Você, ato considerado racista por parte da comunidade negra.

Na última semana o rapaz foi alvo de uma série de críticas nas redes sociais, após usar maquiagem para se “fantasiar” de rei africano. A situação fez a própria Ana Maria Braga interromper a transmissão do reality e chamar uma especialista para explicar o quanto o ato era equivocado.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Bom dia Brasil, gostaria de aproveitar o espaço hoje para me desculpar com todos vocês. Pratiquei blackface sem o mínimo conhecimento do que estava praticando. Não vim aqui me vitimizar, pois não sou a vítima, fui agressor, inconsciente, mas fui“, iniciou.

Anderrupson reiterou que sua atitude foi completamente inaceitável e que entende caso alguém não compreenda sua justificativa. “Quero me solidarizar com todos que sofrem com o racismo no mundo. E aqui deixo um adendo: para o racismo não deve haver livre-arbítrio e sequer politicamente correto, deve ser combatido de forma intolerante”, disse.

“Você que me assiste agora, não permita nenhuma prática racista em sua casa, evento, ou qualquer outro local. Pergunte se a pessoa tem conhecimento de qualquer ato racista e mesmo assim quiser justificar, coloque-o porta para fora. Não deixe o racismo entrar”, finalizou.

Ainda durante o programa, Felipe, que é um homem negro e foi o anfitrião da noite durante o jantar inspirado na África, também se pronunciou: “O Anderrupson estava muito legal, mas mais uma vez ele traz a ingenuidade, né? Não precisa se pintar de negro. A gente não brinca de ser negro, a gente é de verdade. A gente tem toda uma história e isso é muito sofrido”.

Professora explicou blackface

publicidade

Na última semana Ana Maria trouxe a professora e jornalista Rosane Borges, para explicar a questão durante o programa. Ela contou que antigamente pessoas brancas utilizavam o blackface para ridicularizar e desumanizar pessoas negras.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Foi um recurso muito utilizado pela aristocracia escravagista que fazia da técnica do blackface uma forma de estereotipar, de negar a humanidade das pessoas negras”, disse Rosane.

publicidade

Ana Maria afirmou que resolveu esclarecer a situação para ajudar os telespectadores que desconhecem o termo. “Esse esclarecimento é parte da essência do nosso programa, e é bom para todo mundo aprender. Dito isso, acho que tem um monte de gente que não percebe ainda. Mas tá na hora, né? Já está tão dito isso, prestar atenção no outro, respeitar o outro”, disse Ana Maria Braga.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›