Jonathan Costa revela preconceito com funk na TV: “Não podia”

Cantor Jonathan Costa (Reprodução/Instagram)
Cantor Jonathan Costa (Reprodução/Instagram)

O cantor Jonathan Costa, agora conhecido como Jon Jon, afirmou que a Furacão 2000 foi uma das fatores positivos para a popularização do funk carioca em todo o Brasil. A declaração foi dada durante entrevista para o podcast Bulldog Show.

Em conversa com os apresentadores Tuka Carvalho e Vivy Tenório, o artista, que está lançando seu seu projeto “Jon Jon – O Baile”, garantiu que a empresa de seu pai foi fundamental para o funk chegar a ser destaque internacional.

“A furação 2000 é uma relação de família, é uma verdadeira família, uma verdadeira escola para o movimento funk, obviamente teve seus acertos e seus erros, mas foi divisor de águas, precursora do movimento, que querendo ou não aqueceu a cena do funk, porque estamos falando de 20 anos atrás”, disse.

O funkeiro relembrou como foi estourar na indústria aos sete anos, como a música “Jonathan da Nova Geração”: “naquela época não podia tocar funk em novela, não tocava funk em rádio, não tocava funk em filme, não tocava funk em série, então foi primordial a chegada da Furacão, rompendo essa barreira, para que hoje a gente consiga enxergar vários artistas”.

Futuro da Furacão 2000

Depois de dois anos de pandemia, Jon Jon agora retorna para a cena focando de vez em sua carreira musical. Em sua nova produção, intitulada “O Baile”, ele pretende revisitar sucessos do passado com uma com uma pegada mais atual.

“O Jon Jon baile evoluiu esse ano, e tem a ver com tudo que eu aprendi na Fura. Vai ser um verdadeiro furacão”, revelou.

Em outro momento da entrevista, Jonathan falou que diversas vezes é questionado sobre assumir de vez o comando da Furação 2000. “Eu acho necessariamente o ‘passar o bastão’ é vocês se permitirem conhecer mais meu projeto novo, venham conhecer sobre o Jon Jon baile, sobre a minha história, porque talvez o bastão já tenha sido passado e vocês ainda não se deram a oportunidade de conhecer”, desabafou o ex-participante do Power Couple.

Recentemente Jonathan já havia comentado sobre o desejo de voltar a investir em sua carreira. “Esse ano é bem importante pra nós brasileiros, é um ano de retomada e de concretização de planos e sonhos”, iniciou o artista, que completou: “Estou focando em estudar, em me aprimorar enquanto compositor e produtor e minha grande meta é chegar no TOP 50 br!”.