Juju Salimeni posta clique espontâneo e curvas se destacam em registro

publicidade

Usando um visual discreto, porém cheio de ousadia, a influenciadora Juju Salimeni deu o que falar nesta terça-feira (28). A famosa atualizou seu perfil do Instagram com um clique arrasador e ganhou vários elogios dos seguidores.

Na postagem, a famosa surgiu fazendo uma pose espontânea enquanto exibia o visual poderoso em um estúdio fotográfico. Com um vestido preto justinho, ela apareceu sentada em um baco dando uma bela gargalhada.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Minha alma bagunçada, hora pesa uma tonelada, hora voa na passarada”, escreveu ex-Panicat na legenda da publicação para seus mais de 17 milhões de seguidores.

Nos comentários, o visual elegante da gata rendeu várias mensagens elogiosas, além de muitas curtidas. “Essa combinação de preto com dourado está linda”, disse um fã, notando os acessórios deslumbrantes.

“Perfeita! É uma deusa maravilhosa essa mulher”, disparou uma seguidora. “A Juju nunca erra nos looks, que mulher elegante”, disse outro. “Perfeita, linda, uma deusa 🔥“, reagiu um terceiro.

publicidade

Falou sobre polêmica antiga

Sempre muito transparente com seus seguidores sobre detalhes de sua carreira e vida pessoal, a influenciadora Juju Salimeni revelou que já sofreu intolerância religiosa no ambiente de trabalho.

publicidade

Depois de abrir uma caixinha de perguntas do Instagram, a modelo revelou que sua religião foi motivo de um críticas após ter sido exposta nacionalmente. Ela disse que infelizmente não conseguiu que a pessoa fosse punida na época.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Você já foi vitima de intolerância religiosa? Se sim, qual foi a sua reação?”, perguntou um internauta. “Fui exposta nacionalmente com acusações e falas preconceituosas de uma pessoa famosa. Naquela época não era crime e a pessoa ficou impune, mas entrei com processo e a pessoa ficou impedida de falar meu nome”, confessou ela.

“Minha saúde mental foi seriamente afetada e a partir daí, comecei a ter síndrome do pânico. Precisei de tratamento psiquiátrico para ficar bem. Naquela época intolerância religiosa não era crime e a pessoa ficou impune. Mas eu entrei com processo e a pessoa fico impedida de falar meu nome”, disse ela.

O caso em questão aconteceu há quase 10 anos, quando a famosa foi motivo de chacota após vazar um boato que ela teria feito um trabalho espiritual para se destacar entre outras panicats no antigo programa Pânico na TV. A situação gerou uma onda de matérias e especulações nas redes sociais.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›