Julia Lemmertz fala sobre amizade com Alexandre Borges

Julia Lemmertz, atualmente no ar com sua personagem Carmem Wollinger em ‘Quanto Mais Vida, Melhor!’, concedeu uma entrevista à jornalista Marcia Disitzer, da revista Ela, onde comentou sobre diversos assuntos importantes. A atriz, de 58 anos, falou, por exemplo, sobre sua relação de amizade com o ex-marido, Alexandre Borges e revelou ainda, detalhes de sua vida sexual na maturidade.

“A libido muda, né? Mas ao mesmo tempo fica incrível. Você sabe do que gosta, o que quer, se sente menos aflita, menos afoita, é mais gostoso. A maturidade é muito interessante. O que acho uma pena é viver num mundo ainda tão machista. O homem completa 60 anos, e ninguém se espanta. E ainda falam: “Olha como ele está gato, todo grisalho”. Vá tomar banho! É um coroa também, e está tudo bem.”, disse a artista.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Lemmertz lembra que entrou na menopausa quando completou 50 anos. Apesar de considerar um período cruel na vida da mulher, ela destaca que a sua foi mais tranquila.

“A menopausa é cruel porque puxa o tapete da mulher ao tirar a energia. A minha até que não foi tão dramática. No dia do meu aniversário de 50 anos, menstruei pela última vez. Foi tipo “hello, goodbye” (risos). Faço reposição hormonal de leve para não me sentir prostrada porque ficar no osso é difícil. Aos 40, perdi meu pai, tinha um filho pequeno e uma adolescente, nem senti a idade. Já a virada dos 50 foi impactante. Agora, estou chegando perto dos 60, que é um som, sesseeeenta… Não me assombra, mas me causa espanto.”, admite Julia.

Amizade com Alexandre Borges

Julia Lemmertz e Alexandre Borges estão separados desde 2015. No entanto, continuam amigos. A atriz conta que tem muita admiração por seu ex-marido e que não pensa mais em viver um casamento nos moldes do que teve com o ator.

“Vou te contar uma coisa: é louco ficar 22 anos casada e se separar. Foi um impacto e sigo processando. Eu e Alexandre ainda estamos num processo de descolamento. Independentemente de quem termina, se você passa tanto tempo ao lado de uma determinada pessoa, é por que ela importa. Se separar nesse contexto é como sair de um trem em movimento e ficar parada na estação pensando para onde ir. Mas estou bem, inteira, gostando de ser solteira. Amo o Alê, um cara extraordinário e meu amigo para a vida toda. Uma coisa eu sei: nunca mais me casarei nos moldes do meu casamento com ele. É algo que não almejo. Sou romântica, achei que era para sempre.”, declarou a famosa.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social, Redator e Social Media.
Veja mais ›