Juliana Caetano faz alerta aos fãs sobre seus vídeos divulgados na internet

Juliana Caetano, Juliana Bonde
Juliana Caetano, Juliana Bonde (Foto: Reprodução/Instagram)

Juliana Caetano, mais conhecida como Juliana Bonde, usou suas redes sociais nesta quinta-feira (10), para fazer um alerta aos fãs sobre seus vídeos divulgados no WhatsApp das meninas da ‘Mansão Bonde’. Na ocasião, um seguidor quis saber se na rede social tinha vídeos da cantora e ela rapidamente respondeu:

“Claro que tem vídeo meu! A maioria é tudo vídeo meu. Mas não pode de menor. Tá bom? Se você for de menor não pode entrar… Eu vou deixar o link, aí se você quiser fazer parte, o número vai chegar em seu e-mail.”, disse a musa através de seus Stories.

Na sequência, ela reforçou seu aviso sobre não aceitar rapazes menores de 18 anos no grupo, devido aos conteúdos eróticos que são divulgados por lá.

“É o seguinte, pra quem tá perguntando, a gente não vai aceitar de menor no nosso WhatsApp tá? Não pode de menor!”, destacou ela, que em seguida, prometeu uma novidade aos seguidores: “E outra coisa, essa semana eu vou vir com mais uma novidade sobre a ‘Mansão’. Vão ser quatro meninas novas no nosso WhatsApp e no canal do YouTube, que é pra todo mundo.”, adiantou.

Juliana Bonde denúncias

Juliana Caetano adora interagir com os seguidores sempre com muita sensualidade e bom humor. No entanto, quando o assunto é sério, a musa também costuma opinar com muita responsabilidade. Recentemente, por exemplo, a cantora criticou as festas clandestinas que estavam gerando aglomerações durante a pandemia.

“Isso me sobe uma raiva. Porque eu acho que é um monte de vagabundo que não tem amor a vida do próximo. Acho absurdo. Não têm amor à vida, nem se comove com os que estão morrendo de coronavírus”, disse a famosa. “Na internet você pode pegar o número do disk denúncia, para denunciar essas festas clandestinas e aglomerações que esse povo está fazendo”, alertou.

Em outro momento, um fã de Juliana Bonde pediu para ela alertar que é ‘feio’ as pessoas que publicam fotos em eventos e fingem que são fotos antigas, o famoso ‘tbt’. Revoltada com a atitude, a musa mais uma vez rasgou o verbo:

“Olha, por favor né. Dá vontade de pegar um litro de gasolina e tacar fogo pra cima. Povo que não tem amor, não se solidariza com a dor do próximo, ridículo.”, opinou ela, que em seguida alertou: “E se você ver alguma festa clandestina acontecendo, pega o número da polícia, liga e denuncia. Porque se a pessoa não se solidariza com a dor do outro que está no hospital sofrendo, a família, talvez uma cadeia resolve né.”, completou ela.

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social pela UNIVÁS, Redator e Social Media.
Veja mais ›