Juliana Caetano revela interesse de fã por algo inusitado

Juliana Caetano, mais conhecida no mundo artístico como a cantora Juliana Bonde, da banda Bonde do Forró, continua surpreendendo o público com suas revelações inusitadas. Desta vez, ela deixou os internautas perplexos ao comentar sobre um fã que queria comprar seu absorvente usado por R$ 15 mil.

Na ocasião, a artista explicou que, por trabalhar com a comercialização de conteúdos, alguns fãs geralmente fazem pedidos pra lá de excêntricos a ela. No entanto, a musa deixou claro que nunca vendeu esses tipos de “produtos”.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“O que recebi de mais inusitado foi um homem que queria comprar o meu xixi. Teve outro ainda pior que foi um que pediu para comprar o meu absorvente. Mas eu não vendi nenhum dos dois”, afirmou a famosa em conversa com o jornalista Felipe Pinheiro, do Splash UOL.

Juliana explica que a pessoa queria pagar R$ 15 mil por seu absorvente usado. No entanto, ela ficou receosa de vender o produto íntimo, com medo do que o rapaz faria com seu “sangue”.

“Ele ofereceu R$ 15 mil pelo meu absorvente, mas ele queria que eu provasse que era meu. Vai que ele queria o meu sangue para faz alguma coisa”, disse.

Conteúdos

Além do sucesso como cantora no Bonde do Forró, Juliana Caetano também encontrou uma outra maneira de lucrar nas redes sociais. Juntamente com outras dançarinas da banda, ela criou a ‘Mansão Bonde’, e comercializa vídeos  em um grupo exclusivo para assinantes no WhatsApp.

Juliana Bonde conta que fatura aproximadamente R$ 300 mil por mês com a venda dos conteúdos. O dinheiro é dividido entre ela e as outras meninas. A ideia surgiu durante a pandemia, quando os shows precisaram ser interrompidos. Segundo ela, essa foi uma maneira de dar emprego e uma fonte de renda para suas amigas.

“As pessoas conseguem ver eu e as bailarinas trocando de roupas no camarim. É o que a gente está podendo fazer para ter uma renda extra porque os shows estão sendo cancelados o tempo todo, está instável. A gente está tentando sobreviver de alguma forma.”, contou ela em entrevista ao site NaTelinha.

A cantora lembra que, no início, as pessoas ficaram assustadas com seu novo trabalho: “Foi um impacto para quem me conhece”, disparou ela, explicando que os homens são seu público-alvo. “Mulher só esculacha. Elas têm rejeição comigo”, afirmou a artista.

Apesar do sucesso, Juliana Caetano destaca que não se considera uma mulher bonita: “Eu me acho feia. Tenho baixa autoestima desde sempre”, disse a famosa.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social, Redator e Social Media.
Veja mais ›