Luciana Gimenez desabafa sobre entrevista difícil

A apresentadora Luciana Gimenez, contratada da RedeTV!, fez uma participação especial no SBT e concedeu uma entrevista exclusiva para Danilo Gentili no programa The Noite. Na ocasião, a comandante do Superpop relembrou o momento difícil em que entrevistou Ana Carolina Oliveira, mãe de Isabella Nardoni. Em2008, aos 5 anos de idade, ela foi assassinada e o pai e a madrasta foram condenados pelo crime.

“Teve uma entrevista que eu sempre falo aqui que é a da mãe da Nardoni. Foi bem difícil de fazer. Eu comecei a chorar, não conseguia parar. A mulher que teve que me acalmar, olha o mico. Eu fiquei tão mexida com aquela entrevista, foi muito difícil terminar”, desabafou Gimenez. Na ocasião da morte, Isabella foi jogada do sexto andar de um prédio de São Paulo.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Trum e solteirice

Em outro momento da entrevista com Gentili, Luciana Gimenez relembrou um encontro com o ex-presidente dos Estados Unidos David Trump, a quem fez uma série de elogios. “Ele é muito inteligente e meio galanteador, se é que você me entende. Impressionante a memória, mas também ele pode ter jogado o ‘verdão’, né?”, disse ela. O encontro aconteceu há tempos, quando ela ainda tinha 18 anos.

A famosa encerrou o papo revelando que não está solteira e citou o programa Operação Cupido, que ela vai apresentar em breve. “Estamos em fase de captação de pessoas, porque não queremos fazer nada que não seja real. Isso demora um pouquinho. O programa é eclético e, por isso, é muito correto. A gente pode namorar quem quiser. Cada pretendente manda três pessoas da família que ela escolhe. Ela pode mandar primo, tia, mãe”, afirmou.

Famosa fala de autoestima

Famosa em todo o país e considerada uma mulher bonita, Luciana Gimenez revelou recentemente que também tem alguns momentos em que se sente com a autoestima em baixa. A famosa concedeu uma entrevista exclusiva à revista Quem e falou a respeito do tema.

É muito louco. Quando alguém diz que estou bonita, maravilhosa, tenho sensação que não é comigo. É um trabalho diário e tem gente que me dá apoio. Quando eu era nova, modelando, tinha muita gente criticando”, disse a comunicadora.

Na sequência, ela deu mais detalhes a respeito. “Não estou criticando o meio, mas aconteceu comigo. Tento ver minhas qualidades, quando as pessoas dizem que estou bonita, tento pensar: ‘que bom que estão vendo isso’. A gente tenta com muita terapia”, finalizou.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

MAIS LIDAS

Thiago Freitas
Marketing - Centro Universitário de Belo Horizonte. Atua como redator para o nicho de TV e famosos.
Veja mais ›