Ludmilla desabafa após ser excluída por Snoop Dogg em comemoração de Onda Diferente

Ludmilla
Ludmilla se pronunciou após ser excluída por Snoop Dogg em post comemorativo pelas 100 milhões de visualizações do clipe de Onda Diferente (Imagem: Reprodução / Instagram)

O rapper número um da California, Snoop Dogg deu um discreto “chega pra lá” em Ludmilla, em uma publicação na rede social. Comemorando os 100 milhões de visualizações do clipe de Onda Diferente no YouTube, hit que tem a composição é assinado por Lud, Anitta e Calvin Broadus.

O norte-americano republicou uma foto com Anitta e ele em seu instagram, mas excluiu Ludmilla da imagem. A cantora fez pouco caso da atitude descortês de Snoop. Respondendo a uma seguidora, que lembrou em seu comentário a briga entre ela e Anitta, ela afirmou que atitudes como essa não a atingem.

“Não fica [com dó]. O fato de eu não estar em uma simples foto não me diminui em nada. Sério mesmo! Eu tô muito feliz, um hit que saiu da minha cabeça e ganhou o mundo acabou de bater 100 milhões de views! Real. Eu tô feliz pra c*ralho!”, garantiu.

(Imagem: Reprodução / Instagram)

Entenda a briga entre Anitta e Ludmilla

 A história dessa briga remonta ao Rock in Rio de 2019 e é tão estapafúrdia que envolveu até a cantora Ivete Sangalo. A baiana decidiu cantar a canção no festival de música, na ocasião Ludmilla comemorou que Onda Diferente estivesse presente no set do show. Entretanto, seu entusiasmo terminou ao saber que Anitta era creditada como compositora, pois, esse crédito a ela não estava presente no contrato de produção. 

Fãs de Anitta saíram em sua defesa e lembraram que a funkeira estava creditada como compositora no Spotify. Posteriormente, Ludmilla publicou um vídeo no qual explicou que escreveu a canção, mas que sua gravadora não quis lançá-la. O selo mudou de ideia a partir do momento em que Anitta conheceu a música e propôs uma parceira. A “patroa” foi responsável por trazer Snoop para a canção, junto com Papatinho (o produtor e beatmaker do Cone Crew Diretoria), segundo informações do G1. 

Snoop, que canta um verso em inglês, exigiu que 50% dos créditos fossem concedidos a ele; enquanto o restante permaneceria sobre o controle de Ludmilla. Assim, Ludmilla e Snoop Dogg são creditados como compositores e intérpretes, enquanto Anitta e Papatinho entraram como intérpretes. A polêmica esfriou quando Anitta atribuiu a autoria da composição à Ludmilla, e os créditos de composição do Spotify voltaram a ser de Lud e Snoop.

 A controvérsia gerou muitos debates sobre a forma como Ludmilla foi tratada pela gravadora e o modo como se realiza o crédito de uma produção musical.  Entretanto, a maior celeuma diz respeito sobre a relação entre as cantoras, que ao que parece se mantém fria desde então. 

DEIXE SUA OPINIÃO

Veja mais ›