Lulu Santos recebe ajuda da população ao ter carro atolado

Carro de Lulu Santos
Carro de Lulu Santos atolado em estrada de terra (Reprodução)

Lulu Santos passou por uma situação inusitada neste fim de semana. O cantor e seu marido, Clebson Teixeira, foram surpreendidos durante um passeio e precisaram lidar com o carro atolado, contando com a ajuda de pessoas que estavam no local.

Tudo aconteceu num lugar que tinha uma estrada de terra, como mostraram os stories de Clebson.

O veículo ficou preso na lama, e Lulu pediu ajuda para pessoas que o reconheceram e resolveram prestar solidariedade.

“Olha o lado positivo de ter marido famoso”, brincou Clebson, que ainda tirou sarro da situação dizendo que eles só passaram por isso porque foram pegar seriguela.

“O que uma seriguela não faz com a gente? Viemos aqui pegar seriguela e olha o que aconteceu com o carro?”.

Lulu Santos
Carro de Lulu Santos fica atolado em estrada de terra, e cantor conta com a ajuda de moradores do local (Reprodução)

Julgamento

Clebson está casado com Lulu desde maio do ano passado, e já chegou a fazer um desabafo sobre como se sente ao ver as pessoas agredindo o casal de graça. Ele ficou chateado ao ver comentários sobre o relacionamento dos dois em uma rede social.

“Eu me pergunto todos os dias o que as pessoas ganham em ‘tentar’ ofender, machucar ou denegrir os outros? Acredito que hoje, ao abrir o Facebook e me deparar com os mais de MIL compartilhamentos da nossa foto, com a ‘sagaz e cordial’ mensagem acima, eu, definitivamente, deveria saber a resposta! Geralmente não me importo com o que os idiotas sem argumentos, instrução e educação, que sequer tem a decência para manter uma conversa decente, respeitosa e honesta dizem a nosso respeito, mas tem uma hora que cansa sabe?”

Antes disso, ele havia se declarado para o cantor de 67 anos.

“Feliz, muito feliz, esse é o sentimento que predomina desde que nos conhecemos. Você chegou para deixar a minha vida mais colorida, em todos os sentidos possíveis, me fez ter orgulho de quem sou e lutar por tudo aquilo em que acredito, mesmo que com isso possa causar possíveis ‘descontentamentos’. Como diria Carpinejar, ‘Amar é uma confissão. Amar é justamente quando um sussurro funciona melhor que um grito. Amar é não ter vergonha de nossas dúvidas, é falar uma bobagem e ainda se sentir importante’. Isso define exatamente como me sinto ao seu lado! Te admiro como homem, profissional e marido, tenho muito orgulho de você. Feliz aniversário! Te amo!”

Paulo Afonso
Comunicólogo balzaquiano, paulistano, e com experiência vasta nesse mundo virtual. Adorador de séries, filmes, quadrinhos, e tudo o que envolve a cultura pop.
Veja mais ›