Lumena relembra passagem polêmica em BBB 21 e se diverte

publicidade

A influenciadora Lumena Aleluia saiu do Big Brother Brasil 21 cancelada, mas parece que aprendeu a lidar da melhor forma possível com as críticas que receber após sua participação no reality da TV Globo.

Em meio a euforia da estreia do BBB 22, a famosa usou seu perfil do Twitter para divertir os seguidores fazendo uma reflexão. A ex-BBB relembrou a passagem no programa e brincou com suas expressões acadêmicas.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“A essa hora eu já tinha falado 700 vezes a palavra jornada”, escreveu Lumena na postagem, que logo depois recebeu várias mensagens dos fãs, que entraram na brincadeira.

Durante sua passagem pela casa, Lumena chamou atenção da web ao falar a palavra “jornada” 13 vezes em dos Jogos da Discórdia, onde ela teve aproximadamente 2 minutos para se defender.

Boninho está devendo te jogar de surpresa nessa edição pra ressignificar a tua jornada. Você ia arrasar“, disse um fã. “Lumena, autorize a entrada da Linn”, disse outro, a participante Linn da Quebrada, que precisou ficar alguns dias isolada no hotel após testar positivo para COVID-19.

Revelou perrengue na carreira como DJ

Recentemente Lumena fez uma postagem em sua rede social para falar sobre a falta de oportunidades que está tendo como DJ. A famosa, que já trabalhava na área antes de entrar no programa, disse que os produtores culturais não têm apostado no pagodão baiano.

publicidade

“Quando decidi virar DJ de pagodão e fazer um trabalho sério de pesquisa musical com o intuito de levar o máximo de pluralidade do ritmo, eu imaginei que não seria fácil. Entretanto, eu sigo chocada com as dificuldades que venho enfrentando para os produtores de fato acreditarem na força do pagodão”, disse.

A baiana continuou o desabafo e destacou o preconceito que o gênero musical tem sofrido na indústria da música. Ela ainda afirmou que nem mesmo a chegada do verão, estação onde festa do gênero bobam, tem atraído patrocinadores.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

“Eu poderia ficar só chateada pelo fato de tá recebendo não e ver outros DJ’s (em sua maioria homens) de outros ritmos receberem sim? Poderia. Mas, fico mesmo é triste pela ignorância e preconceito musical com esse ritmo nas pistas de dança. O verão chegando aí, a galera querendo mexer a raba, e o pagofunk, o pagotrap e o melhor pagodão das antigas segue ficando de fora das lines. A Bahia é grandona abram os caminhos”, declarou.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›