Marina Ruy Barbosa dispara sobre carreira internacional: “Não fico atrás”

publicidade

Depois de supostamente alfinetar a atriz Bruna Marquezine por causa de carreira internacional, Marina Ruy Barbosa desabafou sobre a possibilidade de emplacar de vez em projetos fora do Brasil.

Na conversa, feita à revista Quem, a atriz da Globo contou que chegou à viajar até Los Angeles, mas teve todos os seus planos modificados por causa da chegada da pandemia do coronavírus.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Fui para Los Angeles antes da pandemia, tinha me planejado ficar um ano lá estudando inglês e fazendo cursos. Mas a pandemia muda tudo. A gente percebe que não tem controle de nada e, que às vezes, o destino faz algo totalmente diferente do que a gente planejou e o resultado fica ainda melhor”, afirmou.

Como justificativa, ela declarou que tentou seguir carreira internacional para ficar um pouco longe dos holofotes e seguir em uma vida menos exposta.

“Tenho vontade de em algum momento estudar fora e ter um tempo anônima, podendo ter outro tipo de liberdade. É interessante poder observar mais do que ser observada. Quando a gente se torna uma pessoa pública, as pessoas prestam muita atenção na gente, o tempo topo”, apontou.

Afastada das novelas, Marina ainda deu a volta por cima na conversa. “Hoje em dia, tenho outras prioridades no Brasil. Então, as coisas vão acontecendo. Não fico atrás. Sou atriz, empresária e empreendedora”, garantiu.

Insistente

publicidade

Hoje em um romance com Guilherme Mussi, Marina Ruy Barbosa disse ao jornal O Globo que, o companheiro foi super insistente para conseguir lhe conquistar e entrar em um romance.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Guilherme é um homem muito insistente e tem uma coisa que eu admiro: personalidade. Depois que fiquei solteira, ele foi se aproximando de amigos em comum para ir me cercando. Iniciamos uma conversa e foi”, declarou a famosa.

publicidade

Dando sequência, a estrela comentou que se sente irritada com julgamentos por causa de sua aparência.

“Prefiro que me chamem de inteligente do que de bonita. Certa vez, troquei o DIU e fiquei um pouco mais inchada. Foi algo que mexeu com meus hormônios. Em outra, pegaram uma foto minha chorando em cena e falaram que eu tinha me transformado por causa de procedimentos estéticos. É muito cruel e leviano como tratam isso. Vai ter dia em que vou aparecer com espinha ou com a boca estourada. Não esperem que eu seja perfeita”, admitiu ela, que atuou em O Sétimo Guardião, de Aguinaldo Silva.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›