Médico que realizou parto de Shantal se pronuncia após acusações

Renato Kalil, médico obstetra que realizou o parto de Shantal Verdelho e sofreu graves acusações da influenciadora, se pronunciou sobre as denúncias de violência obstétrica que vem recebendo. Além da famosa, o ‘Fantástico’, também conversou com mais duas mulheres que dizem ser vítimas do profissional.

Para a reportagem, o médico enviou uma nota escrita por seu advogado, lamentando a repercussão do caso e negando algumas das acusações feitas por Shantal. O parto aconteceu no dia 13 de setembro do ano passado e, segundo a influenciadora, durou mais de 48 horas.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Confira o comunicado enviado pela defesa de Renato Kalil ao ‘Fantástico’:

“Ele afirma que lamenta profundamente que um caso médico seja discutido por meio da mídia e das redes sociais, com base em pequenos trechos editados de um vídeo. E que em razão de normas éticas e sigilo profissional, não pode se manifestar publicamente. Mas que isso será feito em “foro adequado”.

Kalil diz ainda que o medicamento citado por Shantal não foi prescrito nem ministrado por ele. E que os procedimentos obstétricos seguiram com o rigor técnico-ético-científico. Ele afirma ainda que não praticou violência obstétrica. E que a edição dos vídeos e das falas induzem ao erro de interpretação.

Diz que se coloca à disposição do Conselho Regional de Medicina do estado de São Paulo para comprovar sua ética e retidão profissional. E está à disposição das autoridades para colaborar com todas as investigações. Para demonstrar sua inocência.”, diz a nota.

Declarações de Shantal

Em entrevista à repórter Flávia Cintra, do ‘Fantástico’, exibida no último domingo (9), Shantal Verdelho relatou o suposto caso de violência obstétrica que teria sofrido por parte do médico obstetra.

“Foram 48 horas que eu fiquei no hospital. Eu acho que foi um trabalho de parto de aproximadamente umas 12 horas. Ele chegou somente nas duas horas finais que foi quando mudou o clima assim, ele chegou muito apressado. Eu não entendi o porquê de tamanha pressa e aquela agonia toda. E ficava insistindo para o Mateus para que fosse feita a episiotomia num tom como se: ‘Olha aqui vai rasgar aqui’. É onde a gente teria relações no futuro. ‘Então, é melhor eu dar um pique aqui é melhor eu dar uma cortadinha aqui’. Ele fica falando isso para o Mateus como se eu não tivesse ali. E como se a decisão não fosse minha”, contou.

A influenciadora acrescentou: “Não tinha a menor necessidade de ele tentar me rasgar com as mãos. E isso é feito várias vezes. Ele basicamente faz o parto inteiro fazendo esse movimento com a minha vagina, tentando abrir ela. Já que ele não teve o corte, ele tenta com as mãos”, relatou Shantal.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social, Redator e Social Media.
Veja mais ›