Nanda Costa encanta fãs com foto durante amamentação

A atriz Nanda Costa usou as redes sociais para mostrar um momento para lá de fofo ao lado das duas filhas, Kim Tiê. As duas, que são frutos do relacionamento da artista com a cantora Lan Lahn, surgiram amamentando em um clique compartilhado no Instagran de Nanda.

Na curta legenda da postagem, ela mostrou que as bebês gostam muito de se alimentar. “Mamam muito!”, escreveu ela, que recebeu mais de 120 mil curtidas em apenas algumas horas. Nos comentários, é claro, amigos e admiradores deixaram mensagens de carinho para a família. “Maravilhoso, né? Eu te ver assim, com tamanha entrega e amor… é maravilhoso!”, afirmou a também atriz Zezeh Barbosa.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Veja a publicação de Nanda Costa nas redes sociais:

Nanda Costa fez desabafo

No final de novembro, Nanda Costa usou as redes sociais para fazer um relato para lá de emocionante a respeito do nascimento das filhas. Naquela ocasião, a atriz revelou que sofreu pré-eclâmpsia e chegou a ter problemas com seus rins, que começaram a parar. Emocionada, ela comemora que tudo ficou bem.

“Ontem fez um mês que nascemos! Sem dúvida é o momento mais desafiador e intenso da minha vida. Tive uma gravidez tranquila, nunca me senti tão bem em toda minha vida. Mas, de repente, minha pressão subiu, meus rins começaram a parar e, com 35 semanas e 3 dias de gestação, precisamos antecipar o parto. Pré eclampsia! Minha obstetra foi precisa, cirúrgica e, graças a Deus, salvou a minha vida! Minha mulher não saiu do meu lado um segundo sequer”, disse, citando Lan Lahn.

Kim foi a primeira a nascer

Na sequência, Nanda Costa explicou que Kim foi a primeira a nascer e foi levada para a UTI para ganhar peso. “Tiê chegou pesando 2,220kg e foi para o quarto com a gente. Já Kim, precisava ganhar peso e foi para UTI. Quanto a mim, fiquei internada uma semana para controlar a pressão e me recuperar. Nasci mãe no susto e ‘padecer no paraíso’ nunca fez tanto sentido”, escreveu ela, que finalizou na sequência.

“Tive que me dividir entre quarto, UTI e passagens pelo Lactário para tirar leite e alimentar a pequena Kim, que chegou a 1,600kg. O hospital/maternidade está em obra e, dois dias depois do parto, entre essas idas e vindas, fiquei presa no elevador, o que aumentou ainda mais a minha pressão e potencializou meu puerpério. Tiê e eu recebemos alta 5 dias após o parto. Kim só receberia alta quando alcançasse pelo menos 2kg“, finalizou.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Thiago Freitas
Marketing - Centro Universitário de Belo Horizonte. Atua como redator para o nicho de TV e famosos.
Veja mais ›