Nathália Dill se apavora ao ver alergia na boca de sua filha

Nathália Dill, de 35 anos de idade, abriu o coração com os seus seguidores nas redes sociais e falou sobre o perrengue que sofreu com a sua filha Eva, de nove meses de vida. A artista contou que Eva deu uma alergia em volta da boca que com o tempo foi se agravando.

“Na semana passada a Eva começou com uma alergia em volta da boca. A gente achou que ia passar, e de repente começou a aumentar, e ficou muito esquisito. Falei com a pediatra e ela me falou que era uma dermatite salivar. Conversei com vários grupos, com as minhas amigas, a minha família, e ninguém tinha ouvido falar. Parece que é uma coisa comum, mas ninguém do meu círculo tinha ouvido falar”, contou ela.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

A artista contou que levou a sua filha ao medico que lhe disse ser uma alergia comum entre os bebês: “A gente foi em uma dermatologista, ela passou uma pomada mais forte e agora a gente está com um hidratante. Na verdade é excesso de saliva. Pode ser o dente nascendo, ou quando a saliva está mais ácida, quando come coisa ácida. Ou dias quentes, frios, sei lá. Não tem muita explicação, mas parece ser uma coisa comum. Mas a gente ficou bem assustado. Já melhorou, em três dias resolveu. Foi tão esquisito de ver, a gente ficou tão assustado, mas na verdade é uma coisa comum. Foi simples, mas na hora… ver a boquinha dela toda ferida foi difícil”, relatou a atriz.

Responsabilidade em ser mãe

Há pouco tempo, Nathalia Dill, concedeu uma entrevista para a revista Quem e falou sobre os desafios da maternidade“Não acho que nasça uma nova mulher quando ela tem um filho, mas nasce uma mãe, sem dúvida. É algo que vai se somar a quem eu já era. Quando o bebê nasce, a gente não muda automaticamente. Acredito que por isso mesmo o puerpério é um tempo mais recluso, mais íntimo e, por isso, difícil também”, disse ela

“A mulher está ali se despedindo da vida que tinha, entendendo novos processos, avaliando novas prioridades e sabendo que tem um ser pequenininho que depende de você para tudo. É um momento em que a gente acaba abrindo mais mão da gente pelo outro e ao mesmo tempo sabe que também precisa encontrar espaço para si (risos). É uma loucura muito boa”, refletiu ela.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›