Padre dá sermão em Ana Paula Valadão: “burrice e preconceito”

Padre Juarez e Ana Paula Valadão (Reprodução)
Padre Juarez e Ana Paula Valadão (Reprodução)

A polêmica de homofobia envolvendo a cantora gospel Ana Paula Valadão acabou de ganhar um novo capítulos nas redes sociais. Isso porque o caso acabou de contar com o envolvimento de outro religioso, o Padre Juarez.

Durante o programa Bendida Hora, da Rede Vida, nesta última segunda-feira (14), o padre tirou um minutinho para se pronunciar sobre preconceito que alguns religiosos acabam exibindo em suas pregações.

Ao receber um questionamento de um telespectador sobre a presença de homossexuais dentro da Igreja católica, o Padre deixou claro que a instituição religiosa é para todos e que não há espaço para exclusão.

“Uma pastora falou que a Aids que está relacionada ao fato de existirem homossexuais. Você acredita nisso? Que nós escutamos uma pessoa falar sobre isso, uma pessoa que se diz líder religiosa falar que a Aids é culpa dos homossexuais? Isso é burrice misturada com preconceito”, declarou Juarez.

A polêmica com Ana Paula Valadão

O caso envolvendo Ana Paula Valadão acabou repercutindo nas redes sociais nos últimos dias, após internautas relembrarem um episódio de quando a pastora afirmou que a AIDS seria um castigo de Deus contra os homossexuais.

O padre ainda afirmou que falta informação para a pastora: “Burra, sim, porque basta ler qualquer pesquisa científica e vai ver que não existe nenhuma relação da homossexualidade com a Aids. E preconceituosa afastando as pessoas e levando a considerar o outro como se fosse doente ou pecadores”.

“Preconceito, talvez seja essa a doença que precisamos combater, porque o preconceito é uma doença mais feia, mais horrível do que a própria Aids”, finalizou o padre, que acabou ganhando apoio de diversos internautas, que viralizaram o vídeo nas redes sociais.

“Parabéns ao padre Juarez de Castro pelas palavras de sabedoria e não preconceituosa”, escreveu um rapaz. “Se liga no Padre Juarez de Castro dando uma aula para Ana Paula Valadão”, comentou mais um.

Indignação

Quem também usou a internet para protestar contra Ana Paula Valadão foi Xuxa Meneghel. Aliada da comunidade LGBTQ+, a apresentadora afirmou que a postura da cantora seria criminosa.

“Isso não pode ser uma briga ou uma decepção só pra quem é LGBT, não podemos e não devemos tolerar mais preconceito, discriminação e desamor em nome de Deus, quem concorda com essa senhora saiba que é CRIME, e guarde sua falta de amor ao próximo pra vc”, disparou a apresentadora.

DEIXE SUA OPINIÃO

comments