Paola Carosella é alvo de xenofobia após ser chamada de “vagabunda”

A chef Paola Carosella, uma das juradas do MasterChef Brasil (Imagem: Reprodução/Instagram)

A chefe de cozinha Paola Carosella acabou se tornando alvo de comentários preconceituosos nas redes sociais na manhã desta quarta-feira (23). A jurada do Masterchef chegou a ser chamada de “vagabunda”.

O caso surgiu logo após um perfil do Twitter marcar a chefe em uma notícia onde apontava que “argentinos chegando ao Brasil para fugir do governo local”. A publicação acabou desencadeando em xingamentos.

“Tenho asco até do nome dessa vagabunda”, escreveu um internauta, que usava uma conta fake na rede social se passando pela jornalista Mônica Bergamo. Sem papas na língua, Paolla partiu para a resposta.

Para se defender, Paola fez uma lista de boas ações que fez desde o período no qual se mudou para o Brasil. A famosa afirmou, inclusive, que é geradora de mais de 300 empregos.

“Vagabunda? A vagabunda aqui emprega direta e indiretamente mais de 300 pessoas. Abriu lojas e criou empregos durante a pandemia, pagou só neste ano mais de 2 milhões em impostos, e fez apenas neste ano doações que superam o quarto de milhão do seu próprio bolso. Você fez o quê?” questionou.

A cozinheira acabou recebendo o apoio dos fãs, que pediram para ela não se envolver com haters de internet. “É uma conta fake da Mônica Bergamo. Dar visibilidade a esse hater dá a impressão que foi a verdadeira Mônica Bergamo que falou isso”, disse um seguidor.

Cancelada

Recentemente Paola acabou se tornando vítima do famoso “cancelamento virtual”. A situação polêmica ocorreu quando a famosa criticou a iniciativa de uma grande empresa de fast food de produzir nuggets em uma impressora 3D.

“Olha que linda sua comida do futuro! Parabéns aos envolvidos. Continuemos assim, que o futuro vai ter gosto de papelão molhado em cloroquina radioactiva!”, disparou ela no Twitter.

Após a alta repercussão de seu comentário, Paola publicou a mesma mensagem novamente e explicou que deveria ter usado uma palavra diferente e, por conta disso, se desculpou.

“E eu deveria ter usado a palavra ‘doentes’ no lugar de ‘obesos’ – ‘aquela que nos deixa doentes’ isso foi o que muita gente quis me dizer e eu não entendi. Me desculpem”, disse a contratada da Band.

Veja mais ›