Paula Fernandes surge dentro do mar e algo rouba a cena

publicidade

Aproveitando as férias em Ibiza, Paula Fernandes provou aos seguidores mais uma vez que não brinca em serviço quando o assunto é empoderamento feminino e ostentação. Nos últimos dias, ela apareceu tomando um banho de mar, e arrasou corações.

Com uma peça colorida, bem justinha, a cantora mostrou aos fãs que o seu corpo continua de mocinha, mesmo com quase 40 anos de vida. Com um óculos de grife vermelho, ela recebeu muitos elogios.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Uau, é a princesa do mar mais lindo desse mundo”, falou um rapaz. “É de se apaixonar mesmo, de lascar o coração”, brincou o segundo. “Espetáculo mais lindo de nossas vidas”, declarou o último.

Fase na pandemia

Em conversa com a revista Quem, Paula Fernandes disse que a pandemia teve prós e contras em sua vida profissional e pessoal. Ao mesmo tempo que ela pôde descansar mais e curtir mais a rotina dentro de casa, ela sofreu internamente com saudade dos shows e dos fãs.

“Eu cheguei a fazer dois shows em um dia só. Fiz 220 apresentações em 2011. Isso é humanamente impossível, então, para mim, a palavra sucesso hoje não é uma agenda lotada. Sucesso, para mim, é ter uma vida equilibrada, com um show impecável para os meus fãs”.

“Tudo tem seus prós e contras, eu não me arrependo de absolutamente nada, mas acredito que a pandemia aguçou mais a minha vontade de equilibrar vida pessoal com profissional. Sei que os shows em breve vão aparecer, as coisas devem voltar ao normal, eu preciso e quero voltar a trabalhar, não só por mim, mas por uma equipe inteira que vive do meu trabalho, mas quero voltar com equilíbrio para ter mais qualidade de vida”, desabafou.

Por fim, a dona da música “Pássaro de Fogo” destacou ter sido muito uma fase difícil. Isso porque, acompanhou muitas pessoas passando fome e perdendo seus empregos por causa da doença.

publicidade

“Foi difícil, é doloroso ver tanta gente doente. Eu rezo e peço para que passe logo e que a gente tire um ensinamento disso, que a gente possa evoluir como ser humano e identificar quais são nossas verdadeiras prioridades. Eu sentia que tudo estava muito em cima do material, do dinheiro. As pessoas não estavam convivendo com a família, estavam sem amigos, sem afeto, sem emoções. Foi bom aproveitar esse momento para refletir a vida”, refletiu.

Confira:

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›