Rapper Lil Nas X diz que sofreu com depressão antes da fama

Lil Nas X
Lil Nas X (Divulgação)

A gente nem imagina que cantores e grandes estrelas que estão sempre cercadas de pessoas e com muito dinheiro também têm problemas comuns como depressão. E isso aconteceu com Lil Nas X, que revelou numa entrevista que antes da fama estava sofrendo muito.

Durante uma montagem de vídeo do TikTok que ele postou na quarta-feira (17) como parte de sua nova série Life Story na plataforma. O astro foi sincero sobre algumas das lutas que enfrentou em sua vida pessoal antes de sua rápida ascensão à fama. O vídeo apresenta fotos e clipes com texto.

“Em 2017 me tornei o primeiro [em] minha família a entrar na faculdade”, começou ele.

“Durante a faculdade eu estava deprimido, não tinha amigos e… minha avó faleceu”.

Lil Nas X acrescentou que logo desenvolveu hipocondria — também chamado de doença de transtorno de ansiedade, o que faz com que os indivíduos fiquem indevidamente alarmados por terem uma condição médica grave sem apresentar nenhum sintoma dessa natureza, de acordo com a Mayo Clinic.

“Comecei a ir muito ao médico com medo de morrer em breve… hipocondria”.

O vencedor do Grammy, que acrescentou que ele começou a fazer música em 2018 e acabou abandonando a escola para viver com sua irmã. “Eu estava feliz de novo!!!”

Ele largou sua primeira mixtape Nasarati pouco depois de junho de 2018, citando que “AS COISAS ESTAVAM INDO MUITO BEM! .. então eles não estavam mais…”

Lil Nas X ainda detalhou que sua irmã o expulsou, outro irmão dele que estava prestando assistência “deixada aos militares” e suas músicas “não estavam mais indo bem”.

O rapper passou a afirmar que, em novembro de 2018, “era violência doméstica todos os dias [sic]” quando ele se mudou com outro irmão depois de “se sentir sem esperança”.

Lil Nas X continuará narrando aspectos de sua vida na Parte 2 de seu empreendimento TikTok.

Apesar de seu passado conturbado, o artista ganhou dois Grammy Awards e foi nomeado um best-seller do New York Times em janeiro para seu livro infantil, intitulado C Is for Country.

Por falar no cantor, o livro dele se tornou um dos mais vendidos dos Estados Unidos aparecendo no fim de janeiro como um dos 10 mais lidos por lá, de acordo com o jornal The New York Times. A história para crianças em fase de alfabetização, mistura fábulas e ilustrações convidando os pequenos a entrarem num mundo de letras, números e ambientes como uma fazenda com muitos bichinhos.

Veja mais ›