Renata Banhara relembra ataques após posar para revista

Renata Banhara, modelo de 46 anos, relembrou durante participação no programa ‘The Noite’ com Danilo Gentili, os ataques que sofreu após posar nua para a Revista Sexy, quando tinha apenas 15 anos. Na ocasião, ela contou que foi vítima de bullying, pois na época, ajudava na igreja que frequentava.

“Tinha 15 para 16 anos […] Era assistente da catequese, sentava na linha de frente. O Padre pediu para eu não ir mais. A escola pediu para não comparecer, uma professora me chamou falando que eu estava incomodando. As colegas de classe, no primeiro dia que fui, jogaram giz sem saber o que estava acontecendo. Porque elas não viram a revista, mas jogavam giz na minha roupa”, desabafou.

Por conta disso, Renata explica que não teve uma adolescência nada fácil: “Eu era criança. Chorava muito. Porque, na verdade, para mim, eu fiz um trabalho normal. Achei incrível sair na capa de uma revista. Naquele tempo fiquei meio perdida, porque não tinha nome, o que na verdade era bullying.”, acrescentou.

Na entrevista, a musa explicou que falsificou os documentos para poder posar nua. Além dos ataques, ela comentou que, durante muito tempo, foi alvo de assédio por parte de homens, que iam na porta de sua casa e abaixavam as calças. A famosa disse ainda, que o cachê para posar na revista, era o preço de um micro-ondas na época.

Banheira do Gugu

Após a repercussão que teve com a revista nua, Renata Banhara foi convidada por Gugu, para participar do famoso quadro ‘Banheira do Gugu’, nos anos 90.

“A ‘banheira’ era das grandes estrelas. O que talvez as pessoas que estejam vendo, principalmente os Tiktokers, não entendem o que era. O Brasil parava para ver cinco, seis mulheres durante o ano. Não tinha muita opção. Não tinha Facebook. O Zuckerberg não era nascido. O pai e a mãe do Zuckerberg não se conheciam ainda. Acho que nem existia o Google, Vale do Silício, não tinha nada, tecnologia não existia”, comentou.

“O ‘Domingo Legal’ era algo que parava o Brasil. As pessoas sentavam para almoçar com a família. Aí tinha a ‘Banheira do Gugu’, tinha um caso de algum artista que tenha passado por alguma dificuldade. Enfim, o Gugu era um máximo”, lembrou a musa, que revelou ainda sua gratidão por Luiza Ambiel, que teria “aberto as portas” para ela no programa.

Após o fim da ‘Banheira do Gugu’, onde permaneceu por 12 anos, Renata Banhara trabalhou como repórter em uma outra emissora e também em Nova York. 

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver as últimas notícias dos famosos e deixe seu comentário clicando aqui.

MAIS LIDAS

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social, Redator e Social Media.
Veja mais ›