Sabrina Sato desabafa sobre representatividade na TV

A apresentadora Sabrina Sato usou as redes sociais para comemorar o dia em que a televisão brasileira comemorou 71 anos. Atualizando o feed de sua conta oficial no Instagram, ela publicou um vídeo que relembra muitos momentos de sua vida e de sua carreira. Na legenda, ela falou a importância da representatividade.

“Eu faço parte de uma geração que nasceu e cresceu assistindo à televisão. Desde criança, eu falava para a minha mãe que eu seria apresentadora, cantora, atriz. E a minha mãe perguntava: ‘Mas quem vai ser o seu pai ou a sua mãe se você for fazer uma novela?‘ Ela não queria me desestimular, mas não queria me ver quebrando a cara”, contou ela.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Comemoração e lembranças

No texto publicado na legenda, Sabrina contou como descobriu sua verdadeira vocação. “A TV me ensinou a sonhar e norteou minhas escolhas. Foi assistindo programas de auditório e novelas que descobri minha grande paixão: me comunicar.
Quando eu era pequena, eu já sabia que um dia faria parte desse mundo que encanta milhões de brasileiros”, comentou.

Na minha infância e adolescência, não existiam orientais na TV, mas mesmo assim, eu tinha certeza que um dia conquistaria meu espaço e realizaria o sonho de falar com milhões de brasileiros. Mais do que uma fonte de entretenimento, a TV é um veículo que leva esperança para os brasileiros. A TV é uma janela que nos apresenta novas realidades, que faz com que a sociedade debata assuntos importantes. Hoje a TV brasileira completa 71 anos e eu quero parabenizar todos os profissionais e espectadores que ajudaram a construir essa história. Eu espero que, assim como eu tive a chance de descobrir minha vocação e realizar meus sonhos por causa da TV, mais gente também tenha essa oportunidade. Viva a TV Brasileira”, concluiu.

Veja o vídeo de Sabrina Sato:

BBB

Sabrina Sato, vale lembrar, ficou famosa ao participar do BBB 3, ainda no início dos anos 2000. Em entrevista à colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, Sato contou que entrou no programa da Globo para ficar famosa.

“Participei em 2003, 18 anos atrás. Na época, eu tinha 22 aninhos. A minha intenção com o programa era entrar para a televisão, nem ligava muito para o prêmio. Que doido, né? Mas tudo que aconteceu na minha carreira pós-“BBB” foi por muita persistência e dedicação para o meu maior sonho, que era trabalhar com a TV. Também credito aos meus irmãos e aos meus pais, que desde sempre me incentivaram a não desistir do meu sonho e acreditar que poderia chegar aqui”, contou.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

MAIS LIDAS

Thiago Freitas
Marketing - Centro Universitário de Belo Horizonte. Atua como redator para o nicho de TV e famosos.
Veja mais ›