Samara Felippo pede fora Bolsonaro de forma inusitada

publicidade

Contra todo tipo de machismo e preconceito, Samara Felippo usou as redes sociais para postar uma foto que rendeu burburinhos. Na ocasião, a atriz que está longe das novelas, apareceu com uma calcinha fio dental, em uma foto de costas dentro do quarto.

Usando uma jaquetinha jeans, sem mostrar o rosto, a famosa ostentou o bumbum durinho e deu o que falar. Na legenda, ela ainda voltou a se posicionar contra Jair Bolsonaro.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Ainda é importante lembrar: FORA BOLSONARO. A pandemia não acabou, estamos flexibilizando mais só que ainda não é seguro aglomerar
Use máscara. Você pode usar uma descartável por até 3 dias se não danifica-la. É só deixar ao ar livre e revezar com outra. Mascaras de pano não são tão eficazes. Use os modelos seguros N95 ou Pff2. São as que tenho nessa foto ilustrativa e de engajamento”, disse a beldade.

“Gente do céu, que coisa mais linda”, elogiou um rapaz. “Que mulher mais gata”, argumentou a segunda pessoa. “Morrendo depois dessa foto”, reagiu mais um admirador.

Racismo

Nos últimos dias, Samara Felippo mostrou mensagens racistas enviadas em seu perfil, para as duas filhas. Sem mandar recado, a atriz fez questão de mostrar os responsáveis pelos crimes de ódio.

“Olhem essas frases, como batem em você? Não quero linchamento, apenas reflexão. Não adianta você simplesmente dizer que não é racista. É preciso pensar e agir. Imaginem quantas crianças pretas sofrem todos os dias, deixam de estudar, machucam seu coro cabeludo para alisarem os cabelos, se odeiam e crescem cheias de dores e traumas”, começou.

publicidade

Na sequência, ela ainda argumentou sobre o alisamento dos cabelos das garotas. “Comecei meu trabalho como ativista nas redes sociais sem saber nada, comecei meio que num baque de ódio por minha filha querer alisar o cabelo aos 7 anos para se encaixar na turminha de amigas brancas da escola. Fui me desconstruindo a cada dia, a cada descoberta e uma delas foi o quanto cresci racista”, argumentou.

Ao concluir, a estrela revelou que o caminho para a reeducação é longo. “Nessa reeducação, fui procurando, estudando e aplicando em casa com minhas filhas. Mas você branco não precisa ser pai ou mãe de uma criança preta para começar a agir […] Acredito que existem muitas formas de combater o racismo, a 1º é nomear, RACISMO, ele existe e é um fato, a 2º é brancos reconhecerem seus PRIVILÉGIOS e a 3º para mim, dentro da minha história é a REPRESENTATIVIDADE positiva”, desabafou ela.

publicidade

Confira:

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›