SBT muda tudo e refaz programa após fracasso de audiência

Para tentar emplacar reality culinário lançado em 2021, o SBT reformulou todo o programa Mestres da Sabotagem, que mudou até de nome. Intitulado de Cozinhe se Puder, o programa estreia a nova temporada sob o comando de Otaviano Costa.

O formato estreou no canal de Silvio Santos em abril do ano passado. Na época apresentado por Sergio Marone, o reality foi um fiasco de audiência e teve apenas 4,5 pontos de média. Para reverter a situação e tentar salvar a atração, a emissora mudou tudo na segunda temporada.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Mudança de nome

O primeiro passo foi trocar o apresentador e o nome. Ao anunciar Otaviano como novo apresentador do reality, o SBT informou também a mudança no título. De acordo com Lucas Gentil, diretor do programa, a alteração visa uma aproximação com o telespectador.

“A gente resolveu adaptar o nome. A primeira temporada foi Mestres da Sabotagem e nessa segunda temporada a gente quis falar mais com o público dos canais, com a mulher que assiste televisão, explicou.

“Resolvemos trazer a cozinha mais presente para o nome. Cozinhe se Puder foi de cara o escolhido como o nome mais adequado. Acho que fala mais diretamente o que se passa no programa, é mais literal do que Mestres da Sabotagem”, opinou.

“O nome tem a ver com o DNA da casa e da Discovery que fala muito direto com a mulher, nesse sentido de ser popular, de ser literal. Foi por esse caminho”, afirmou.

SBT muda tudo em reality culinário

Além da mudança de nome, o reality culinário também passou por uma alteração no formato. Nem mesmo o cenário escapou e passou por adaptações buscando ser mais popular.

“A segunda temporada traz a mudança no nome e no cenário. [O cenário] Está mais acolhedor, mais próximo do público. Vocês vão sentir essa diferença. Está menos escuro, mais popular”, contou.

O diretor disse que o formato da segunda temporada terá uma “temperatura mais alta”. “Já tivemos fogo no parquinho, depois fogo no feno e agora temos fogo no forninho”, brincou Otaviano.

Questionado se haverá um especial com celebridades, o diretor do programa não descartou a possibilidade de fazer novamente. No entanto, revelou que nesta temporada não terá a participação de famosos. Ele explicou que decidiu privilegiar anônimos.

“Nessa temporada a gente priorizou os chefs anônimos, as pessoas que querem mostrar seu trabalho e precisam desse dinheiro. Priorizamos os participantes que são mais próximos do público”, declarou.

Com 13 episódios, a segunda temporada do Cozinhe se Puder estreia neste sábado (07).

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Vitor Peccoli
Publicitário, roteirista formado pela Casa Aguinaldo Silva de Artes. Escreve sobre TV e famosos desde 2013 | Contato: redacao@spinoff.com.br
Veja mais ›