Tiago Leifert revela por que deixou o The Voice Brasil

Globo surpreendeu os fãs do programa The Voice Brasil na noite desta quarta-feira (20). A emissora anunciou que o apresentador Tiago Leifert, que havia sido afastado temporariamente das gravações do reality show, não vai voltar a comandar o programa. A emissora afirmou que “motivos pessoais” motivaram a decisão. Em suas redes sociais, o comunicador não deu grandes detalhes, mas reiterou as informações.

“Olá pessoal! Minha família precisa de mim em São Paulo nas próximas semanas e, por isso, com coração partido, tem mudança de planos. Meu amigo querido André Marques assume o The Voice na segunda fase do programa. Na primeira (fase) ainda estou lá, estreamos dia 26 de outubro. Em breve conversamos mais”, disse ele, sem se estender.

André Marques, que já estava substituindo Leifert em alguns programas, foi confirmado no The Voice Brasil até o final da temporada, que estreia na próxima semana. Ele contará com a ajuda de Jeniffer Nascimento, que comenta os bastidores da atração, e com os técnicos deste ano, Carlinhos Brown, Claudia Leitte, IZA, Lulu Santos e Michel Teló.

Afastamento

No início do mês, quando a Globo anunciou o afastamento de Tiago Leifert, o apresentador concedeu uma curta entrevista ao site Notícias da TV. Sem dar grandes detalhes, ele garantiu que queria voltar ao reality, mas não garantiu que isso seria possível.

“Eu não gravei a fase remix, tive mesmo um problema. Foi semana passada. Espero que sim [sobre o retorno]! Vamos ver como andam as coisas. Temos até dezembro“, disse ele, deixando uma dúvida a respeito de seu retorno ao format.

Futuro profissional

Na ocasião do anúncio de sua saída, Tiago Leifert tranquilizou os fãs e disse que ainda não sabia o que viria pela frente. “Eu fico muito lisonjeado que alguém ache que, se eu encostar em alguma coisa, vai virar carreira daqui pra frente. Se eu fizer um churrasco domingo vão falar que vou virar churrasqueiro”, afirmou no Instagram.

“Não tenho a menor capacidade de ser tiktoker. Amo o TikTok, vou usar lá para jogar videogame, mas vou usar lá do mesmo jeito que uso aqui, meio sem noção. Mas eu super entendo que exista uma curiosidade para saber o que vai acontecer na minha vida daqui pra frente. Também não sei, ainda não sei. Tenho planos? Devo ter, sei lá. Vou pensar. Lá no TikTok, vai ser mais videogame, talvez um negocinho de esporte e cultura pop”, comentou o apresentador.

Thiago Freitas
Marketing - Centro Universitário de Belo Horizonte. Atua como redator para o nicho de TV e famosos.
Veja mais ›