Tiago Leifert se pronuncia após polêmica com o ator Ícaro Silva

publicidade

O apresentador Tiago Leifert, de 41 anos de idade, usou as suas redes sociais para se pronunciar sobre a polêmica envolvendo o ator Ícaro Silva. Em um longo video publicado no feed do Instagram nesta segunda-feira (27), o comunicador desabafou e disse ter sido bastante criticado na ultima semana e classificou os ataques como “covardia”.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

“Oi, acho que vocês já devem estar de saco cheio do assunto, talvez não queiram assistir esse vídeo, tudo bem, não tem problema. Eu demorei mesmo para vir aqui, acho que perdi o timing do assunto”, começou Tiago. “Mas é que esses últimos dias foram importantes para esfriar a temperatura e para eu me acalmar também, porque eu achei que eu tinha escrito algo super óbvio, uma constatação simples até de como as coisas funcionam. Mas o que eu disse foi jogado para um lugar que não é meu, catapultado para lugares que eu desconheço e não foi o que eu falei. E vocês que me seguem sabem que não foi o que eu falei, mandaram mensagem”, começou ele.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Thiago disse que foi atacado por causa de sua religião e de sua família: “Eu fui atacado por causa da minha religião, fui atacado por causa da minha família e eu não fiz isso em nenhum momento. Eu não ataquei a família de ninguém, eu não ataquei a índole de ninguém, eu não ataquei a trajetória de ninguém, não fiz isso em nenhum momento, minha postagem está lá, é só… E por último, nesse delírio que aconteceu nos últimos dias, no último parágrafo de uma carta escrita para mim, tripudiam, ironizam um problema pelo qual estou passando que nem eu estava preparado para falar”, continuou.

“E aquilo me tirou do sério de um jeito que eu pensei que não fosse possível depois de tantos anos trabalhando na mídia. Eu achei que não iam conseguir, mas realmente eu parei de enxergar tudo e eu fiquei muito transtornado com aquela última parte, então eu vou ignorar por agora.”

Não é um pedido de desculpas

Em outro ponto de seu desabafo, Tiago Leifert afirmou que o vídeo não é um pedido de desculpas e lamentou sobre as pessoas que acabaram se ferindo com as suas palavras: “Se você se feriu com o que eu falei, eu lamento para caramba porque não foi a minha intenção. Mas esse não é um pedido de desculpas, tá? Eu só lamento mesmo, fico triste. Quando eu disse e estava bem claro… Vamos voltar ao cerne da questão… ‘Provavelmente ajudamos a pagar o seu salário’, eu errei. Não é provavelmente, nós ajudamos a pagar o seu salário, o seu, o do Boninho, o meu, o do Luciano Huck, o do Mion, o de todo mundo ali. Assim como o trabalho de todo mundo da Globo, atores, atrizes, técnica, maquiagem, camareiros, figurino, comercial, jurídico ajudava a pagar o meu salário, porque eu saí”, afirmou ele.

“Eu não consigo ver onde está a ofensa numa constatação simples dessa, de saber que o nosso trabalho, todo mundo junto, um ajuda a pagar o salário do outro. Não consigo. Se pegar isso que eu falei e transformar em qualquer outra coisa, eu não vou acompanhar, eu não vou até lá porque não foi isso que eu falei”, disse ele.

Se sentiu ofendido

publicidade

Em seguida, o apresentador disse que só se manifestou por se tratar de um colega de emissora: “Então, quando eu acordo e vejo fogo amigo, porque não é uma pessoa de uma outra emissora, não é um filósofo que eu não tenho nada a ver… É um colega, que está ali no estúdio do lado e que poderia, sim, estar no camarote… Sei lá, está ali no estúdio do lado e que poderia ter sido convidado [pro BBB]. Sei lá, não sei se foi. Mas é uma pessoa interessante, um grande personagem. Ele desdenhando do nosso trabalho dessa forma, chamando de bosta e de medíocre, é óbvio que eu reagi. E reagiria de novo”, disparou.

“Durante esse tempo todo, a equipe do Big Brother, as pessoas lá, perderam parentes, perderam amigos, teve gente que teve de sair por dois, três dias enlutado para enterrar um parente e voltar para trabalhar. E aí quando eu acordo e vejo fogo amigo de novo, um colega falando que o nosso trabalho, ainda mais nesse contexto todo, é uma bosta, e é medíocre, é óbvio que eu fiquei pistola, é óbvio que eu fiquei chateado, é óbvio que eu reagi”,

Covardia

publicidade

O ex-apresentador do BBB abriu o coração e disse que sofreu covardia: “Se para se defender disso levam a discussão para uma outra esfera e que machuca outras pessoas e que é seríssimo, eu lamento para caramba, porque não foi isso que eu falei. Eu gravei esse vídeo há horas e deixei ele esfriando na minha tela porque eu estava morrendo de medo de postar, tamanha é a delicadeza da situação e a covardia que fizeram comigo. Uma covardia. Não fala essa palavra. Mas eu falo ela com tranquilidade porque eu sei que vocês estão cientes, vocês me mandaram muitas mensagens e eu queria então terminar agradecendo todo mundo que me defendeu, agradecendo as pessoas que eu nem conheço e que me defenderam. Muito obrigado mesmo!”, disse.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›