Vera Fischer fala sobre dificuldade no início de carreira

Vera Fischer
Vera Fischer (Reprodução/Rede Record)

A renomada atriz Vera Fischer, de 69, anos de idade, em bate-papo com Carolina Ferraz, para o Domingo Espetacular , desabafou sobre um período extremamente difícil de sua carreira. A experiente atriz contou que há poucos anos teve que lidar com as críticas pelo fato de ter engordado e pontuou os ataques de pessoas perversas.

Durante a entrevista a apresentadora perguntou sobre as cobranças estéticas no meio artístico: “Você é uma mulher muito bonita e sempre foi muito bonita. Essa coisa da beleza te incomodou ou te atrapalhou?”, perguntou Carolina.

“Atrapalhar, não. Eu olho minhas fotos e a minha cara é muito [parecida] com bonecas. Eu acho que com o tempo você vai se modificando, se moldando, então, eu acho que a beleza está nisso: em você se ver com 20 anos, 40 anos, 60 anos e, agora, chegando nos 70, você tem que admirar cada ruga, cada pedacinho”, respondeu Vera.

Críticas ao seu corpo

A atriz pontuou que já sofreu diversas críticas em relação ao seu corpo durante o auge de sua carreira: 

“Eu acho que durante uma época as pessoas foram perversas comigo. Eu não podia engordar e eu engordei. Estava infeliz e viajando com teatro. Eu tinha os melhores hotéis, os melhores restaurantes, você come e bebe do bom e do melhor”

“Eu comecei a engordar e não prestei atenção nisso porque o meu trabalho era o que importava. Quando eu via as fotos [que tiravam de mim], eu fala: ‘Como eles são perversos”, finalizou ela.

Abusos psicológicos

Vale lembrar que recentemente em entrevista ao programa Altas Horas, do apresentador Serginho Groisman, a veterana abriu o jogo e falou que foi vítima de abuso psicológico. Durante o bate-papo, a famosa afirmou ter sido vítima de machismo na década de 1970. 

“Comecei no inícVera Fischer fala sobre inicio perverso de carreiraeito de a pessoa vir implicar comigo e querer passar a mão em mim? Não dá. Você pode se vestir como quiser, ter a idade que tiver, dizer o que quiser. É a sua vida. Isso mexeu comigo, com a minha mente, com o meu psicológico”, finalizou.

Veja mais ›