Virgínia Fonseca desabafa após um mês da morte do pai

A influenciadora digital Virgínia Fonseca, de 22 anos de idade, usou as suas redes sociais para fazer uma longa homenagem após completar um mês do falecimento do seu pai, o Sr Mario Ferrão. Em uma publicação feita em seu Instagram, a esposa do cantor sertanejo Zé Felipe desabafou.

“Hoje faz 1 mês que Deus levou um pedaço de mim p morar no céu!!! Pai, eu sinto tanta falta de você, sinto falta dos seus beijos, dos seus abraços, das suas histórias que sempre me tiravam gargalhadas, dos seus puxões de orelha, dos conselhos, sinto falta de você comigo, de acordar e ir te ver e vc abrir um sorriso pra mim e falar oi filha”’, iniciou ela.

Hoje não consigo entender pq Deus te tirou de mim tão cedo, mas sei que tudo tem um propósito e sei também que você está ai de cima cuidando de nós, ao lado de Deus nos livrando de todo mal! Eu te amo pra sempre, te falei isso antes de vc ir e será pra sempre assim! Você mora no meu coração, Pai! Irei te carregar p sempre comigo”, finalizou a influenciadora digital.

Desabafou sobre a maternidade

Há pouco tempo, Virgínia Fonseca concedeu uma entrevista para a revista Quem e falou sobre as adversidades da maternidade. Ela que deu a luz a Maria Alice, fruto do seu relacionamento com o cantor Zé Felipe, contou que sentiu muitas dificuldades em amamentar.

“O que mais me surpreendeu foi a parte da amamentação. Eu não sabia que era tão difícil como é. Na maioria das vezes não passam isso para a gente. Eu não li muitas coisas, não fui atrás de nada, porque pensei que fosse ser tranquilo. É bem mais complexo do que a gente pensa”, disse ela.

Em seguida, Virgínia Fonseca disse que além das dificuldades no período de amamentação, acabou se desesperando ao lidar com as cólicas de sua filha Maria Alice: “Não tive dificuldade em trocar fralda, que achei super de boa. O primeiro banho da Maria Alice fui eu que dei. Além da amamentação, também tive dificuldades em lidar com as cólicas do bebê. A gente não sabe o que fazer. Às vezes dá remédio e o bebê continua com cólica. E você fica apavorada”, contou ela.

MAIS LIDAS

Veja mais ›