Yasmin Brunet faz previsões assustadoras sobre 2022

Apesar de todos os desejos para 2022 seja um ano melhor do que o que passou, a modelo Yasmin Brunet fez um alerta de que o mundo pode passar por momentos delicados nos próximos 12 meses. Em sua conta oficial no Instagram, a famosa decidiu responder os questionamentos dos fãs e falou que espera algumas coisas negativas.

Acredito infelizmente que teremos muitos desastres naturais, muita gente vai passar fome e teremos falta de água potável. Fora isso esse ano acredito que teremos uma pandemia que vai ser mil vezes pior do que essa… Também acho que entre esse ano e ano que vem teremos mais quarentenas e, por isso, uma crise econômica. Isso é o que eu posso dizer”, previu a filha de Luiza Brunet.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

Antes de finalizar suas previsões, a musa pediu desculpas e disse que ninguém é obrigado a acreditar no que ela disse. “Desculpa, gente, mas digo isso por tudo o que venho pesquisando. Não precisam acreditar e, se acreditarem, não entrem na noia e no medo porque a mídia já tá fazendo a parte dela para termos essa paranoia coletiva. Não se deixem levar“, afirmou a modelo, citando um meteoro que vai passar perto da Terra e pedindo que as pessoas não tenham medo.

Depressão

Meses atrás, Yasmin Brunet usou os stories do Instagram para fazer algumas revelações. Naquela ocasião, a famosa fez o famoso “verdade x mentira” e, ao ser questionada se já teve depressão, ela confirmou a informação e disse que já passou por momentos delicados em sua vida.

Tive fases horríveis e fases muito difíceis. É uma coisa que fico atenta. A última vez que tive e acabei tratando, não consegui acreditar que estava sentindo isso de novo. É como se do nada seu mundo mudasse. Como se não abrisse mais o sol e tudo fosse escuridão. É uma sensação muito ruim. Quando ela volta é como se ela nunca tivesse existido. Depressão, ansiedade e todos os outros transtornos, acho que só entende quem tem”, desabafou a modelo.

Relação abusiva

Yasmin Brunet ainda revelou que já sofreu com um relacionamento abusivo, citando que a maioria das mulheres já passaram por situações semelhantes em suas vidas.

Verdade! Acho infelizmente que quase todas (senão todas) as mulheres já tiveram algum relacionamento abusivo. Inclusive, recomendo muito um livro para todos que acham que estão em um relacionamento assim ou que gostariam de aprender sobre. Eu acho que todo mundo deveria ler e quem tem filhos e filhas devem conversar sobre isso também”, afirmou.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Thiago Freitas
Marketing - Centro Universitário de Belo Horizonte. Atua como redator para o nicho de TV e famosos.
Veja mais ›