Espiral – O Legado de Jogos Mortais tem nova data de estreia definida

Samuel L. Jackson em Espiral – O Legado de Jogos Mortais (Imagem: Divulgação)

Assim como diversos filmes, Espiral – O Legado de Jogos Mortais teve sua estreia adiada por causa da pandemia do novo coronavírus. Agora, a Lionsgate definiu a nova data para o longa de terror chegar aos cinemas. Anteriormente agendado para estrear em 15 de maio nos Estados Unidos, o longa será lançado um ano depois, em 21 de maio de 2021.

O reboot da franquia de terror de sucesso conta com a direção de Darren Lynn Bousman, que comandou Jogos Mortais II, III e IV. Já o roteiro é assinado por Josh Stolberg e Peter Goldfinger, roteiristas de Jogos Mortais: Jigsaw (2017).

Na trama, um novo e perturbador jogo será iniciado. O dono de uma mente sádica e genial começa a fazer justiça de uma forma perturbada e inusitada. No filme, o detetive Ezekiel “Zeke” Banks (Chris Rock) e o seu parceiro novato Willem (Max Minghella), ficam responsáveis por investigar uma série de misteriosos e terríveis assassinatos. Sob o liderança do veterano Marcus (Samuel L. Jackson), os policiais irão se envolver com um mistério que pode ter desdobramentos surpreendentes, e até mais perigosos do que poderiam imaginar.

Além de estrelar, Chris Rock também atua como produtor executivo e foi o responsável por escrever o argumento. Samuel L. Jackson, Max Minghella e Marisol Nichols completam o elenco.

Assista ao teaser:

 

Fidelidade

Em entrevista concedida ao IGN, Chris Rock garantiu que a nova trama do universo Jorgos Mortais será fiel à franquia original. “Muitas vezes quando assisto um filme ou série de TV, penso, ‘Uau, talvez uma ou duas piadas teriam feito uma grande diferença nisso’. Eu amo Jogos Mortais, mas é uma franquia que praticamente não teve humor. Parecia um bom lugar para explorar, com um terreno bem fértil”, disse o ator.

O sinistro vilão Jigsaw é conhecido por suas violentas e perturbadoras armadilhas. De acordo com Rock, o novo filme promete ser bem sangrento. “Já pude ver uma versão preliminar, e garanto que continua fiel aos Jogos Mortais originais. É sangrento, muito violento, e assustador. Desta vez, no entanto, consegui inserir um pouco de humor. Mas, não vamos reinventar nada. Não é Todo Mundo em Pânico. É Jogos Mortais”, afirmou.

Espiral – O Legado de Jogos Mortais (Imagem: Divulgação)

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.