Estreia da 4ª temporada de Fargo é adiada devido ao surto do Coronavírus

Chris Rock estrela a 4ª temporada de Fargo (Imagem: Divulgação)

A FX anunciou ontem, 16, que devido a pandemia do Coronavírus, a estreia da 4ª temporada de Fargo foi adiada. Agendado para ser lançada em 19 de abril, o novo ciclo ganhará uma nova data de lançamento depois que a produção for retomada.

Segundo o Deadline, oito dos dez episódios encomendados para a nova temporada foram concluídos. As filmagens foram interrompidas devido aos crescentes casos da doença Covid-19 e, por isso, a emissora decidiu cancelar o lançamento. A emissora espera poder exibir a série ainda no final de 2020.

A 4ª temporada conta com Chris Rock, Timothy Olyphant, Ben Whishaw, Jack Huston, Jessie Buckley, Andrew Bird, Jeremie Harris, Jason Schwartzman, Salvatore Esposito, Francesco Acquaroli, E’myri Crutchfield, Gaetano Bruno, Amber Midthunder, Anji White e Uzo Aduba.

Dessa vez, a trama será ambientada nos anos 1950 e será focada em duas famílias de imigrantes, uma negra e a outra italiana, que chegam nos Estados Unidos. Responsáveis por comandar o crime organizado em Kansas City, as duas famílias decidem trocar os filhos mais velhos para conseguir que a paz reine entre as duas organizações,.

Vale lembrar que as 3 temporadas de Fargo estão disponíveis na Netflix.

Assista ao trailer:

 

Ainda Melhor

Em entrevista ao Collider no ano passado, o criador da série Noah Hawler falou que o próximo ciclo promete ser ainda melhor. “O elenco é incrível. Eu diria que terá o dobro do tamanho de qualquer história que já contamos, tanto financeiramente quanto de margem, escala e período. Não há razão para fazer isso novamente, ao menos que eu ache que seja melhor ainda”, afirmou. Além de escrever, Hawler também assume a direção de alguns episódios.

“Noah faz todos esses grandes monólogos. E se você assistir Fargo, a câmera está sempre em movimento. Então você tem um monólogo de duas páginas e a câmera está se movendo assim, tudo tem que ser perfeito. Há um monte de diálogo e é muito bem escrito e é tudo importante. A cena menor tem um tremendo significado. Não há lugar para tirar uma cena. Tudo requer muita reflexão antes do tempo”, disse Chris Rock em entrevista recente à Entertainment Weekly.

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.