Estrela de Friends lamenta falta de diversidade do elenco

Friends
Friends (Divulgação)

Friends sempre será lembrada por seus fãs como uma série icônica, mas uma das estrelas revelou o que faria diferente, inclusive jogando luz sobre uma das principais críticas dos espectadores quando se trata da comédia de 1994. Em entrevista ao jornal britânico The Times, Lisa Kudrow, que interpretou Phoebe ate 2004, falou que se fosse responsável pela produção hoje em dia, apostaria na diversidade.

“Não seria um elenco todo branco, é óbvio”, disparou sobre o que faria diferente em Friends. Ainda questionada sobre isso, já que a série sempre foi alvo de críticas quanto às orientações sexuais dos personagens, algo que também demonstra baixo nível de representatividade, ela explicou que o contexto temporal precisa ser levado em conta na discussão.

“Para mim ela deve ser observada como uma cápsula do tempo, não por aquilo que ela apresenta de errado. Havia um personagem que a esposa descobriu que é gay e estava grávida e eles criaram o filho juntos. Também tratamos de barriga de aluguel. Naquela época, foi um progresso”, continuou ela sobre a produção.

“É uma comédia engraçada, mas também sobre pessoas se conectando e parte do apelo dela hoje é que os jovens têm essa nostalgia inconsciente por conexões pessoas, mesmo antes da pandemia”, explicou Kudron que estará presente no especial que será disponibilizado pela HBO Max, novo serviço de streaming do grupo Warner.

Recentemente em uma entrevista para Ellen DeGeneres, outra atriz do elenco, Courteney Cox disse que está usando a pandemia como forma de fazer uma maratona de sua antiga série, e soltou o verbo sobre o que pensa do programa. “É muito boa no final das contas. Eu só revi a primeira temporada até agora. Eu amava interpretar a Monica acima do peso porque me sentia completamente livre. São episódios muito bons”, disse sobre os flashbacks que mostravam a adolescência, e início da vida adulta da personagem.