Ex ataca Jeremy Renner após tentar usar Coronavírus para diminuir pensão

Jeremy Renner com Gavião Arqueiro (Foto: Divulgação)

Há anos Jeremy Renner sua ex esposa Sonni Pacheco vem lutando pela guarda da filha Ava, e agora a chegada do Coronavírus abriu mais uma página para esta história. Segundo relatos, Jeremy terá que pagar cerca de US$ 30 mil de pensão alimentícia para a filha, contudo, com a ajuda de seus advogados, o ator que diminuir o valor que tem que pagar.

Renner alega que devido à pandemia de Coronavírus e a paralisação de diversas produções cinematográficas ele ganhará menos trabalhando como ator e pediu para que os pagamentos da pensão fossem reduzidos para US$ 11 mil por mês. Através de uma declaração para a Page Six, Sonni se pronunciou sobre usar o Coronavírus para se beneficiar: “É muito desanimador que, em um momento de crise global, haja mais uma tentativa de reduzir os fundos nos quais confio para prover nossa filha”.

Pacheco também se pronunciou sobre a questão dela estar ocultando dinheiro e sobre ter apresentado um documento alegando pobreza (relativa). A ex de Renner disse: “A renda mensal relatada foi muito exagerada… Só tenho conhecimento do que li nos tabloides. Eu acho que é hora de, depois de sete anos de inferno, começar a abordar as mentiras”.

“Primeiro, não recebo 30 mil em pensão mensal. Segundo, todas as minhas economias e as economias da Ava foram drenadas devido a honorários de advogados, pois minhas preocupações com a segurança da Ava têm sido uma batalha em andamento há anos. Eu tenho feito isso, e sempre escolherei proteger Ava quando eu descobrir sobre o comportamento perturbador exibido pelo pai dela em suas casas que a colocam em perigo”, ela concluiu.

Jeremy Renner ficou conhecido por interpretar Clint Barton / Gavião Arqueiro no MCU. Ele estará na próxima série da Disney e da Marvel, chamada Gavião Arqueiro, e que segundo rumores, pode ser a última vez que veremos o ator dando vida ao personagem.

 

Comentários