Filmes da Marvel entram na mira de críticas outra vez

Marvel Studios
Logo da Marvel Studios, responsável, entre outras produções, pela história de Doutor Estranho, em trailer do filme em 2016 (Reprodução/YouTube – BRAMarvel)

Depois do cineasta Martin Scorsese dar sua opinião sobre os filmes da Marvel, parece que um caminho foi aberto para que outros diretores de cinema também pudessem se expressar. Agora, os filmes da companhia foram alvo de novas críticas e entraram na mira de outro diretor. Em entrevista recente à Sky News, o britânico Ken Loach foi categórico e disse que os filmes do estúdio Marvel são uma espécie de commodity.

Sobre os longas da Marvel, o diretor britânico, famoso por produções como Eu, Daniel Blake (2016), vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes de 2016, afirmou à Sky News: “São feitos como mercadorias… como hambúrgueres. É tudo sobre como fazer uma commodity que dará lucro para uma grande corporação. São um exercício cínico. Um exercício mercadológico, não tem nada a ver com a arte do cinema”.

Recentemente, quem também falou sobre o assunto foi o cineasta Fernando Meirelles. Entretanto, ele seguiu caminho diferente e não foi tão taxativo como Loach. Durante sua aparição no Festival de Mumbai, o diretor brasileiro, famoso pela produção Cidade de Deus (2002), comentou, conforme publicação do portal CinePOP:

“Não posso discordar de Scorsese [Martin Scorsese, o diretor] porque não assisto [a filmes da Marvel]… Assisti a Homem-Aranha oito anos atrás e foi isso. Não me interesso. Não significa que sejam ruins”.

Fernando Meirelles ainda completou: “Não sei se é da Marvel, mas assisti a Deadpool, o primeiro, e foi ótimo. Ótimas cenas de ação. Então, tentei ver Deadpool 2 em um avião. Eu assisti, tipo, a meia hora e desisti”.

Além de Scorsese, Loach e Meirelles, outros nomes, entre diretores e atores, também se pronunciaram sobre as atrações da Marvel, defendendo ou também se queixando de filmes da companhia. Em meio à confusão, Francis Ford Coppola foi outro ícone a se manifestar e disse que os filmes da Marvel são “desprezíveis”.

Possui Mestrado em Comunicação e Graduação em Jornalismo. Pesquisa cultura pop e também trabalha com o tema.

bostancı escort