Game of Thrones (Divulgação)

Game of Thrones é considerada uma das melhores séries de todos os tempos – polêmicas sobre a 8ª temporada à parte – e um dos elementos que mais chamam a atenção é a forma como os personagens encontram mortes terríveis. Em nova entrevista o escritor George R.R. Martin revela qual foi sua inspiração.

Desde que o saudoso Ned Stark perdeu a cabeça ainda na primeira temporada, os fãs têm acompanhando inúmeros personagens perderem a vida das formas mais grotescas e tristes possíveis. Tudo, é claro, graças à mente de Martin. Porém agora ele revela que o que serviu como inspiração foi algo bem mais inocente.

Eu tinha um castelo que era grande o suficiente para colocar duas tartarugas de 1 dólar no jardim, mas o fato é que elas não vivem muito tempo”, contou durante a cerimônia do Hall da Fama em New Jersey. “Então minhas tartarugas continuavam a morrer, o que me deixava de coração partido, e eu tinha que arrumar uma explicação do porque aquilo estava acontecendo”.

George continuou: “Então decidi que elas estavam se matando. Elas viviam em um castelo, e obviamente, eram cavaleiros e reis e príncipes que estavam competindo pelo Trono das Tartarugas, então estavam se matando no processo”.

Soa familiar não é? Sim, o autor confirmou que essa foi sua primeira fantasia épica, e que ele ainda a relembra usando símbolos de tartaruga nos seus chapéus e roupas. A partir dessa primeira “aventura” o autor deu início à série de livros que conquistaria milhões de fãs em todo o mundo.

Críticas

Agora que GOT chegou ao fim na HBO, Martin não esconde que se sente muito mais aliviado – e livre – para terminar a saga que começou, já que não sofre mais a pressão de acompanhar a estreia de novas temporadas. Mas também admitiu que a série não terminou onde deveria.

A última temporada não foi completamente fiel. Se fosse assim, haveria mais 5 temporadas”. E deu um recado aos leitores:“Eu espero que meus últimos 2 livros encherão cerca de 3000 páginas uma vez que estiverem terminados. E se mais páginas, capítulos e cenas forem necessários, eu vou adicioná-los”.

 

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui