Halloween (Divulgação)

Ninguém realmente esperava que Halloween, lançado em 2018, faria tamanho sucesso. Com orçamento de 10 milhões de dólares, o filme faturou mais de 255,5 milhões e agradou bastante o público e a crítica. Com mais duas sequências planejadas, a equipe comenta se a franquia está próxima do fim.

Há alguns dias, a Universal Pictures em parceria com a Blumhouse Productions anunciaram a produção de mais duas sequências da franquia Halloween: “Halloween Kills” e “Halloween Ends”. Os projetos terão novamente a presença do diretor e co-escritor David Gordon Green e do roteirista Danny McBride, além da icônica atriz Jamie Lee Curtis. Em nova entrevista ao Collider, a dupla confirmou quando começam as filmagens: “Começamos em setembro, e vamos gravar um depois do outro com uma pequena pausa entre as produções, e eles serão lançados em dois anos consecutivos, 2020 e 2021. Vocês terão uma trégua esse ano, e depois, pelos próximos dois será uma loucura“. Revelaram também que após o lançamento de 2018, perceberam que ainda tinham muita história para contar. “Quando o primeiro [da trilogia] se tornou um sucesso, resolvemos usar as ideias que não integramos nele e desenvolvê-las em outros dois filmes. Nós escrevemos os roteiros e estamos prontos para começar“.

Fim da linha

Quando questionados se “Halloween Ends” fecharia a franquia com chave de ouro definitivamente, Green e McBride responderam: “Eles nunca se cansam de contar a história do Frankenstein, e a esse ponto, o Michael Myers já é um monstro clássico. Mas a nossa saga da Jamie Lee Curtis como Laurie Strode versus Michael Myers estará encerrada. A graça é ver que você conseguiu realizar o que pretendia. Se continuarmos tentando estender a coisa pelo dinheiro, se tornará algo chato“, finalizaram.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui