Harrison Ford presta homenagem a Chadwick Boseman, seu colega em filme de 2013

Chadwick Boseman (Reprodução)

A morte de poucos atores mexeu tanto com público e com outros artistas como a de Chadwick Boseman, conhecido por ter dado vida ao herói Pantera Negra, no filme homônimo da Marvel. Ele morreu na última sexta-feira, (28) em decorrência de um câncer de cólon com qual travava uma batalha desde 2016. Além daqueles que interpretam super-heróis nos cinemas, outros atores também homenagearam Chad, como é o caso de Harrison Ford, que esteve ao lado dele no filme 42 – A História de Uma Lenda, de 2013.

“Chadwick Boseman era tão atraente, poderoso e verdadeiro quanto os personagens que escolheu para interpretar”, disse Ford em um comunicado ao site The Hollywood Reporter. “Sua inteligência, dignidade pessoal e profundo comprometimento inspiraram seus colegas e elevaram as histórias que ele contou. Ele é um herói tanto quanto qualquer outro que interpretou. Ele é amado e fará muita falta”.

O Los Angeles Dodgers fez um momento de silêncio para Boseman na noite de sábado antes do jogo. A Fundação Jackie Robinson publicou uma homenagem nas redes sociais ao ator. O último tweet postado na conta do Twitter de Boseman, que compartilhou a notícia de sua morte, se tornou o tweet mais curtido de todos os tempos. A empresa de mídia social anunciou a notícia histórica na tarde de sábado, compartilhando em sua conta oficial: “Tuíte mais curtido de todos os tempos. Uma homenagem digna de um Rei. #WakandaForever.”

O cineasta do longa Pantera Negra, Ryan Coogler, na manhã de domingo lançou um tributo longo e emocionante a Boseman. Em uma revelação comovente, Coogler escreveu que “não sabia dos detalhes da doença do ator”, acrescentando: “Depois que sua família divulgou seu depoimento, percebi que ele estava convivendo com a doença o tempo todo que o conheci. […]Por ser um zelador, um líder e um homem de fé, dignidade e orgulho, ele protegeu seus colaboradores de seu sofrimento. Ele viveu uma vida linda. E ele fez uma grande arte. Dia após dia, ano após ano. Ele era assim. Ele era um espetáculo de fogos de artifício épico. Vou contar histórias sobre estar lá para algumas das faíscas brilhantes até o fim dos meus dias.”

ankara escort