Homem-Aranha: Arte conceitual do filme de Sam Raimi revela versão feminina do Duende Verde

Willem Dafoe como Norman Osborn – o Duende Verde em Homem-Aranha, 2002 (Imagem: Reprodução)

Em maio de 2002 Tobey Maguire surgia nas telas de cinema como o Peter Parker do primeiro filme da trilogia do Homem-Aranha dirigida por Sam Raimi. 18 anos depois a história do herói está sob uma nova perspectiva através da atuação de Tom Holland.

Mas voltando ao primeiro longa estrelado por Maguire, que possui inúmeros fãs que não deixarão sua performance ser esquecida, ele teve algumas artes conceituais divulgados pelo site ComicBookMovie. Antes de chegar aos cinemas, algumas ideias sobre detalhes da produção foram testadas. Por exemplo, uma versão feminina de Norman Osborn, o Duende Verde, que na trama foi interpretado por Willem Dafoe. O visual do vilão passou por alguns esboços antes de ter aquele traje mecânico visto na versão final do filme de Sam Raimi e a possibilidade do personagem ser uma mulher foi considerada.

Confira:

(Imagem: Reprodução)

Diferentes ideias sobre os lançadores de teias do Homem-Aranha também foram esboçadas. No final, a versão que prevaleceu foi a em que o herói dispara as teias de forma orgânica, assim como aconteceu nas HQs mais tarde.

(Imagem: Reprodução)

O primeiro filme da trilogia que transformou Maguire um sucesso no papel do herói, conseguiu arrecadar mais de US$ 821 milhões nas bilheterias mundiais, com um orçamento de US$ 139 milhões. Além dos bons números e da ótima recepção do público, o longa da Sony Pictures escrito por David Koepp também recebeu boas avaliações da crítica. No Rotten Tomatoes, por exemplo, a produção possui uma aprovação de 90%, com base em 244 análises.

Ao lado de Maguire e Dafoe, o longa também contou com Kirsten Dunst no papel de Mary Jane, James Franco como Harry Osborn, Cliff Robertson como Ben Parker, Rosemary Harris como May Parker, J.K. Simmons como J. Jonah Jameson, e Joe Manganiello como Flash Thompson.

Agora o Homem-Aranha é interpretado por Tom Holland, que já estrelou dois filmes solos do herói nos cinemas. O próximo será gravado ainda esse ano nos Estados Unidos e na Islândia e está previsto para ser lançado em julho de 2021, contando com a direção de Kevin Feige e Amy Pascal.

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.